A Apple é famosa por acusar a Samsung por “copiar descaradamente” o design do iPhone, mas é sempre bom lembrar que, de santa, ela não tem nada. Apesar de “alguns veículos especializados em mundo Apple” afirmarem de forma categórica que o que a empresa de Cupertino faz “não é cópia, é apenas referência”, eu e o pessoal da Swiss Federal Railways não concordamos com isso.

Os suíços são famosos pelos seus relógios, e possuem alguns dos relógios mais icônicos do mundo. E o pessoal do sistema ferroviário federal da Suíça não gostou da Apple ter COPIADO DESCARADAMENTE o design dos seus relógios no aplicativo de relógio do iPad. E vai processar a Apple por isso.

Se você colocar os relógios lado a lado, você não vai ter dúvidas que “não foi uma referência”. Os relógios são simplesmente idênticos, exceto pelo logo suíço. Tá na dúvida? Então, veja outra imagem abaixo para notar a similaridade entre os dois designs.

Caraca, Apple… nem pra disfarçar? Até o ponteiro dos segundos é o mesmo!

O relógio suíço acima foi originalmente desenvolvido por Hans Hilfinker, e é um ícone do sistema ferroviário da Suíça, e do próprio país em si. O design do relógio está devidamente registrado pela Swiss Federal Railways, e até oferece a licença desse design para outras empresas. Acontece que a Apple não pediu licença nenhuma para eles fazerem essa cópia.

Resumindo: vê lá se a Apple tem moral para processar alguém! A suja falando da mal lavada! E ainda quer tirar produtos dos outros do mercado, só porque não é capaz de fazer melhor?

Apple, a empresa do “faz me rir”. Até na hora de “usar como referência”. #FAIL, Tim Cook. E dos grandes.

Aliás, falando nisso… Aí, Apple, já resolveu consertar aquela porcaria de Mapas lançado nessa semana? Ou vai pedir arrego para a Microsoft? Ou melhor: pedir misericórdia para o Google?

Via MacRumors, UberGizmo, SlashGear