odortv

Me estranha que tenha demorado tanto. Mas não me surpreende que tenha sido logo os japoneses. Fato é que, ainda que nos últimos anos alguns produtos conceituais semelhantes tenham aparecido (com alguns deles quase funcionando), nenhum deles conseguiu romper, de fato, a tão desejada quarta dimensão. E isso está a ponto de acabar. Bom, é o que prometem os orientais.

Um projeto desenvolvido pelos cientistas da Universidade de Agricultura e Tecnologia de Tóquio criaram uma televisão que foi apresentada durante a conferência de Realidade Virtual da IEEE, que usa quatro ventiladores instalados nos quatro cantos do dispositivo, para enviar vapores que são combinados, com a finalidade de criar diferentes odores. Ao utilizar os ventiladores em momentos específicos, eles podem criar a impressão que os cheiros se originam de diferentes locais da tela.

Mas não precisa se preocupar em começar a pensar como você vai comprar esse produto. O protótipo ainda precisa ser refinado antes de chegar ao estágio de ser comercializado, e ainda que eles consigam chegar a um coeficiente para tornar a sua fabricação viável, não está sequer garantido que alguma empresa vai se interessar em vendê-lo.

Mesmo assim, fica claro que os humanos vão continuar a tentar adicionar um terceiro sentido para complementar a experiência televisiva. Vamos ver até quando isso será viável ou interessante.

 

Via NewsScientist