impossível

 

A frase não é nova. Ela pertence ao Muhammad Ali, um dos maiores (se não for o maior) pugilistas de todos os tempos.

Ali tinha propriedade para falar. Controlava o próprio destino através de sua força, agilidade, mas principalmente atitude mental. Acreditar que algo teoricamente impossível é sim possível é o que diferencia vencedores de perdedores.

E, pelo visto, 2017 é o ano que quer entrar para a história, já que está se tornando “o ano onde o impossível é nada”.

 

O Super Bowl LI é um claro indício do que eu estou falando.

A épica vitória do New England Patriots sobre o Arizona Cardinals foi uma virada histórica. Testemunhamos a história sendo escrita quando o time liderado por Tom Brady volta do o intervalo com uma desvantagem de ponto inédita em uma final da NFL para virar o jogo de forma espetacular, vencendo o título e levando para a casa o cobiçado troféu Vince Lombardi.

Vai saber quando vamos ver isso novamente… na NFL. Pois 2017 começa pródigo em derrubar mitos e recordes.

 

Ontem (08), o Barcelona mais uma vez escreveu história.

Reverter um 0-4 fora de casa contra o Paris Saint-Germain aplicando um 6-1 no Camp Nou só mostrou a força de um time, uma camisa, uma nação.

É preciso ter muita força mental, tenacidade e resiliência pra fazer o que eles fizeram.

É preciso ter muita vontade de vencer, foco e concentração para alcançar esse resultado.

Tudo isso, para tornar o impossível algo possível.

 

Talvez Muhammad Ali seria aquele que poderia falar com melhor propriedade de tudo isso.

Mas a verdade é uma só: o Barcelona bateu como Ali para mostrar seu ponto, e nos convencer de que tudo nesse mundo é possível.

Ninguém aqui está dizendo que é fácil, apesar de todos pensarem que é.

Em alguns casos, vencer a nós mesmos antes de virar o jogo é fundamental.

O problema é que as pessoas, na maioria dos casos, não se dão conta disso. Ou querem ignorar que toda mudança dá trabalho.

Vai saber quanto tempo o Barcelona trabalhou corpo e mente para alcançar essa vitória histórica.

 

O bom é que, quando o resultado é uma vitória como essa, qualquer sacrifício vale. Qualquer luta vale.

Tudo isso, só para mostrar que o impossível é nada!