realidade virtual

 

Pesquisadores decidiram dar mais sentido à nossa experiência de realidade virtual com estimulação elétrica dos músculos para que os usuários sintam fisicamente as paredes e outros objetos.

Fato é que, por mais realista que a realidade virtual seja nos aspectos visuais, ainda faltam as sensações físicas. No futuro, isso pode mudar, com produtos mais avançados.

Dessa forma, o sistema reproduz a estimulação muscular ligado aos braços dos usuários que permitem transmitir fisicamente a sensação de um trombada contra a parede, que por sua vez só existe no universo da realidade virtual.

O sistema pode ser calibrado para diferentes tipos de sensações físicas, podendo simular objetos ou outros elementos que oferecem uma resistência progressiva, como se fosse uma esponja. A tecnologia pode ser aplicada ao feedback físico de outros movimentos e sensações.

Traduzindo em linguagem humana: você pode basicamente pegar um objeto que só existe no mundo da realidade virtual, tendo todas as sensações e respostas que você poderia sentir se o objeto estivesse lá.

Dá para imaginar como esse recurso poderia ser muito bem vindo no mundo dos videogames e do entretenimento? Sentir o peso de armas virtuais de acordo com as suas características, ou tocar o corpo de uma atriz que só está na sua frente em modo eletrônico seria o máximo.

Vídeo demonstrativo do conceito a seguir.

 

 

 

Via HPI