Compartilhe

2020, o ano em que tudo mudou, e para sempre.

Se muitos vão querer esquecer o ano de 2020 (eu, inclusive), outros vão se lembrar que este foi o ano onde profundas transformações na era digital aconteceram. E tais transformações terão impactos duradouros ou permanentes para os próximos anos.

Se o mundo não será mais o mesmo, o mundo digital ganhou um protagonismo sem precedentes, afetando praticamente todos os setores da sociedade.

 

 

 

A economia digital e novos modelos de negócio

 

Em uma crise sanitária, a última coisa que você quer tocar é em dinheiro físico. Eu mesmo parei de ter dinheiro em papel moeda porque constatei o quanto isso não era seguro para a minha saúde. Logo, passei a pagar tudo pela internet, criei várias contas digitais para inúmeras finalidades, reorganizei a minha vida financeira e, diante de todo o caos, consegui me reorganizar.

Da mesma forma que consegui me reinventar como produtor de conteúdo de tecnologia. Além de promover mudanças no meu servidor dos blogs, coloquei mais ênfase nas dicas e tutoriais, pois era isso o que os meus leitores estavam querendo. Dessa forma, aumentei a minha audiência e capitalizei mais em cima do conteúdo produzido.

 

 

 

A aceleração da reconversão digital

 

A crise sanitária global fez com que muitas pessoas repensassem a relação com a tecnologia. Em alguns casos, a mudança foi obrigatória. Pessoas que estavam completamente distantes das plataformas digitais se viram pagando contas pelo smartphone, assistindo filmes pela Netflix e se comunicando com parentes por videoconferência.

Sem falar nas experiências de ensino à distância e trabalho remoto, onde a grande maioria das pessoas não estavam acostumadas. Essa é a maior experiência de transformação digital da história, e tais mudanças serão permanentes em alguns aspectos, tanto nas mecânicas de funcionamento do trabalho e estudo como no comportamento das pessoas.

 

 

 

Quem foi para a internet capitalizou

 

Os novos modelos de negócios que surgiram durante a crise sanitária tiveram um denominador comum: quem foi para internet conseguiu prosperar e se reinventar.

Não apenas as propostas de delivery para alimentos. Produtos e serviços que focaram na web conseguiram sobreviver e lucrar no segmento que não parou com a pandemia. A internet, que já era o futuro de alguns negócios, se tornou fundamental nesse período de caos. E quem soube aproveitar desse momento encontrou novas formas para obter lucros.

Várias empresas descobriram que podem obter lucros ainda maiores ao permitir que os seus funcionários trabalhem de casa, reduzindo custos operacionais e aumentando a qualidade de vida dos seus profissionais. As duas pontas do processo se beneficiam com isso. E essa mudança é definitiva e sem retorno.

 

 

 

Conclusões

 

A digitalização aconteceu em vários setores, países e em diferentes tamanho de empresa. A economia digital não é algo exclusivo do setor de telecomunicações, mas afetou a todos os tipos de empresas e indústrias, exigindo modificações no modelo de negócios de vários empreendimentos.

A palavra chave nesse caso é INOVAÇÃO. E a inovação no modelo de negócio pode afetar a digitalização da empresa de forma positiva e negativa, dependendo da visão que o empreendedor tem sobre todas essas mudanças. A reconversão digital dos modelos de negócio exigem mudanças inclusive na forma em que nos comunicamos com funcionários e clientes, onde acabamos capitalizando mais e melhor em cima dessas mudanças.

Por fim, as crises econômica, social e sanitária exigem que as empresas adaptem os seus modelos de negócio, desenvolvendo as transformações necessárias que permitem a reinvenção diante de um cenário tão caótico e complexo.


Compartilhe