A Apple procura um psicólogo para o Siri, depois de analisar o seu comportamento em casos de abuso sexual.

Uma nova vaga de emprego foi aberta na Apple, onde eles procuram alguém com formação como psicólogo, terapeuta ou conselheiro, que tenha amplos conhecimentos profissionais com computação e inteligência artificial.

A vaga é para ser um engenheiro de software, saúde e bem estar para o Siri, e é descrita pela Apple até com bom humor, afirmando que usuários conversam com o assistente virtual sobre tudo, inclusive quando estão estressados ou com grandes problemas.

Logo, a Apple tenta recrutar alguém para o time do Siri Domains, com habilidade para levar a Siri para o próximo nível.

Não há detalhes sobre o salário, mas a peculiaridade do perfil pode resultar em um salário de seis dígitos anuais.

Fato é que a Apple deve estar com problemas para encontrar um profissional com o perfil que ela procura, já que a vaga está aberta desde abril de 2017. E continua disponível.

 

+info