Compartilhe

Antes de começar a ler esse post, ative o player abaixo e, depois… boa leitura (se você conseguir).

 

 

Se você não se irrita com o som da ativação das teclas do teclado virtual do smartphone, parabéns! Eu admiro você! Saiba que você está imune a um dos piores sons inventados em toda a história da humanidade.

Todos os fabricantes de smartphones desenvolveram os seus teclados virtuais, e isso permitiu a evolução de uma característica que hoje é importante para esses dispositivos. Porém, todos cometeram um erro feio e bem rude: adicionar o maldito som nesse teclado!

 

 

 

Maldito esqueumorfismo!

 

 

O esqueumorfismo é uma técnica de design onde se conservam elementos dos objetos como referência dos mesmos. Exemplo: o logo do Instagram em forma de câmera, a calculadora com o desenho de teclas, aplicativos de arquivos como pasta, etc. Essa é uma forma de conectar um design com o seu homólogo da vida real.

Faz sentido. Era um novo dispositivo, um produto com conceito novo. Logo, ele precisava indicar para as pessoas que aquele ícone de calculadora era um aplicativo de calculadora, ou uma pasta era o gerenciador de arquivos. Hoje, isso é meio absurdo, mas há 13 anos atrás, isso era necessário.

No som, isso também é importante. Os aplicativos de câmera contam com isso para que o usuário receba a confirmação que a foto foi registrada, simulando o ruído de uma câmera reflex ao fechar e abrir o obturador. Felizmente, esse som pode ser desativado.

Logo, o som do teclado tátil era para indicar a escrita, pois a referência de som eram os teclados de computador e das máquinas de escrever. Da mesma forma que você tinha o efeito de vibração para digitar no teclado, simulando o efeito de rebote das teclas dos teclados físicos.

Porém, depois de tanto tempo do lançamento do primeiro iPhone, os sons do teclado são bem desnecessários, pois todo mundo já sabe como um smartphone funciona. E mesmo que eles possam ser desativados, em pleno 2020 ainda tem gente usando esses sons.

Falo sério!

 

 

 

Tikitikitiki

 

Esse som é profundamente irritante. E produz em mim um efeito contrário do que os das teclas do computador, que me relaxa durante a digitação. Não é preconceito. É puro ódio ao som das teclas dos teclados. E eu não sei se isso acontece comigo porque eu escrevo rápido, ou porque o som é agudo. Mas tal som martela no meu cérebro de forma furiosa.

Só existe uma razão legítima para o som do teclado de smartphone ficar ativo: para os deficientes visuais, que precisam de um feedback sonoro para confirmar a digitação correta. Caso contrário, quem deixa o som do teclado do telefone ligado tem pacto com forças demoníacas.

No Reddit, tem uma discussão onde um usuário pergunta para os demais por que eles seguem com o som ativado, e as respostas são as mais diversas. Algumas pessoas gostam do som, outros perguntam se ele pode ser desativado, e tem gente que usa com alto-falantes Bluetooth, apenas para causar a revolta do coletivo (e procurar uma vaga no inferno).

Agora, pense as pessoas dentro do ônibus e no metrô, em bando, usando o WhatsApp e digitando com o som do teclado ativo. Sem falar no som de mensagem recebida na plataforma, que é outra coisa bem insuportável.

Ah, você acha que não é bem assim? Imagina o cenário prático ouvindo o som no player abaixo…

 

 

 

 

 

 

Por que? Por que as pessoas fazem isso?

 

Entendo o som de notificações ativas, mas… por que o som do teclado ativo? O que isso agrega no nosso dia a dia?

Esse é um dos piores sons criados pelo ser humano, e apesar das concordâncias e discordâncias sobre o tema, eu peço, imploro e suplico: desative todos os sons de teclado do seu smartphone. A maioria dos teclados dos telefones podem ter o som desativado nos ajustes do dispositivo. É só você procurar.

A humanidade agradece.

E esse post foi escrito por alguém que deixa o telefone no silencioso o tempo todo.


Compartilhe