Albert Einstein é, para muitos, um dos cientistas mais reconhecidos da história… da ciência e da cultura pop.

Uma das fotos emblemáticas do cientista foi registrada por Arthur Sasse, onde Einstein aprece com a língua de fora. Um gesto divertido e espontâneo que foi interpretado de diversas maneiras.

E essa é a sua história.

Em 14 de março de 1951, amigos e colegas de Einstein se reuniram para comemorar os 72 anos do cientista. Einstein já era bem famoso, por causa do seu trabalho e pelo Prêmio Nobel que ganhou em 1921.

Vale lembrar que, em 1940, ele se nacionalizou como norte-americano, radicando naquele país.

A imprensa apareceu para cobrir a festa de aniversário, que aconteceu em Princeton, New Jersey. Quando Einstein deixou o evento ao lado do doutor Frank Aydelotte e sua esposa, ao se sentar na parte traseira do carro, foi solicitado ao cientista que ele sorrisse para a câmera.

E, no lugar de fazer isso, ele mostrou a língua.

 

 

Sasse foi o único a captar o gesto, que se tornou uma das fotos mais conhecidas da história.

A agência de Sasse ficou em dúvidas se publicaria a foto ou não. Eles publicaram, e tudo virou história. Esta é uma das fotos mais emblemáticas do século XX.

 

 

Diz a história que Einstein adquiriu nove cópias da foto, e a utilizou como cartão de Natal para alguns amigos mais próximos. Uma das fotos autografadas pelo cientista foi leiloada em 2009, por US$ 74,324.