A volta do notch nos smartphones Android… é um erro? | @oEduardoMoreira Press "Enter" to skip to content
Início » Opinião » A volta do notch nos smartphones Android… é um erro?

A volta do notch nos smartphones Android… é um erro?

Compartilhe

Não dá mais para entender o mercado de telefonia móvel. Eu não entendo mais o que se passa pela mente dos designers de smartphones.

Quando a Apple se prepara para o desaparecimento do notch no iPhone, os fabricantes de smartphones Android (principalmente nos modelos top de linha) voltam a adotar esse elemento nefasto na tela dos dispositivos.

Na verdade, é um modelo que está fazendo isso. Mas toda tendência começa por um modelo em específico. Neste caso, o Huawei Mate 50.

Uma das “novidades” desse dispositivo é um notch para oferecer novas possibilidades que a Huawei não conta quais são.

Agora… imagina se outros fabricantes fazem a mesma coisa. Vira uma epidemia, e não queremos outra epidemia em nossas vidas, certo?

Então… vamos tentar descobrir se a volta do notch nos smartphones Android é um acerto ou um erro grosseiro.

 

 

 

Por que o Huawei Mate 50 conta com um notch na tela?

Tudo indica que o design final do Huawei Mate 50 está definido, e sua chegada ao mercado deve acontecer nos próximos meses.

As imagens vazadas coincidem com as notícias previamente publicadas sobre o dispositivo, inclusive no detalhe do notch com efeito de superfície curva que se suaviza, gerando um melhor efeito de visualização.

O notch desse modelo receberia a câmera frontal e sensores adicionais com várias funções que vão além das selfies, chamadas de vídeo e reconhecimento facial.

Não foram revelados maiores detalhes sobre quais seriam essas funções adicionais do notch no Huawei Mate 50, mas bem sabemos como os fabricantes tendem a replicar as tendências introduzidas por determinadas marcas.

E se o modelo for um sucesso (mesmo e principalmente com todas as limitações que a Huawei possui hoje), podemos dar como certa a volta do notch nos smartphones Android.

 

 

 

Os embargos podem atrapalhar a Huawei. Mesmo assim…

É claro que temos que considerar que as configurações de hardware do Huawei Mate 50 podem ser um tanto quanto insatisfatórias para muitos usuários, por conta dos diversos problemas e embargos que a marca enfrentou nos últimos anos.

Não contar com os aplicativos do Google é sempre um problema para qualquer marca que quer alcançar um grande público. Por outro lado, a Huawei aprendeu a oferecer uma experiência de alto nível com soluções próprias e/ou alternativas.

Se o hardware não ajuda, os algoritmos de software compensam em vários aspectos, principalmente nos resultados fotográficos.

Com isso, alguns dos smartphones da Huawei entram na lista dos melhores no registro de fotos, e isso pode chamar a atenção de muitos usuários.

 

 

 

O notch está de volta?

Eu espero que não, já que a tendência é mesmo o seu desaparecimento.

O grande público não liga para a Huawei. Liga mesmo é para a Apple. E os demais fabricantes de smartphones sabem muito bem disso.

Então, se o iPhone remover o notch, a maioria das demais marcas fará o mesmo.

O problema é que o Huawei Mate 50 é um indício de que não existe uma morte definitiva do notch, pelo menos neste momento.

E certamente outros fabricantes Android vão esperar mais um pouco antes de remover este elemento das telas dos seus dispositivos.

No final, vamos ter que esperar. Pacientemente. Tanto para ver se a tendência do notch se confirma, ou se ele vai mesmo morrer de vez.


Compartilhe
@oEduardoMoreira