Compartilhe

O WhatsApp virou o refúgio de muita gente durante a pandemia do COVID-19, ao mesmo tempo em que se transformou em um gigantesco campo minado virtual. A quantidade de notícias falsas e desinformação que circula pela plataforma de mensagens instantâneas é enorme, a ponto dos administradores tomarem medidas para conter a viralização de tal conteúdo na plataforma.

Porém, o WhatsApp segue muito popular, e as pessoas seguem compartilhando notícias, fotos, vídeos e, é claro, memes. E um desses memes que estava relativamente adormecido voltou com tudo por causa do confinamento, em uma curiosa e quase cômica variante.

Sem mais delongas, eu preciso informar para você que o viral do “negão do WhatsApp” foi ressuscitado e atualizado.

 

 

 

Aquela “grande surpresa” está de volta

 

 

Lembra do “negão do WhatsApp”? Pois é… o meme é o pai visual do “gemidão do Zap”, onde uma imagem que aparentemente informava sobre a cura do câncer ou a prisão de alguém da família Bolsonaro era, na verdade, um afrodescendente vendendo toda a saúde do mundo, exibindo o seu maior atributo físico.

Pois é… muita gente caiu nesse meme.

E, convenhamos: em um mundo com tanta gente tentando aliviar o estresse do confinamento de todas as formas, uma das coisas mais comuns para se receber no WhatsApp é conteúdos pornográficos. Se bem que, no caso do “negão do WhatsApp”, não era qualquer pornografia: era o pornô que conseguia enganar muita gente.

E agora, esse meme está de volta. Bom, mais ou menos.

O “negão do WhatsApp” ficou muito popular durante algum tempo, mas desapareceu para ceder lugar para outros memes. Porém, o TMZ alerta que surgiu um novo personagem que segue a mesma lógica e “proporções” (se é que você me entende) do meme anterior. Porém, o protagonista é outro, e a imagem está relacionada de alguma forma com o coronavírus.

 

 

Funciona assim: você está cuidando da sua vida normalmente, sem ter muito o que fazer no seu isolamento social. Então, você recebe no seu WhatsApp “uma informação muito importante” sobre a pandemia.

Para ler a notícia, você precisa clicar em um link ou URL que vem em anexo na mensagem, e ao fazer isso, no lugar de abrir uma notícia séria da BBC ou do New York Times, vemos a nudez completa e frontal de Wardy “Wood” Joubert III, um falecido ator de filmes pornográficos, que agora se tornou viral lá fora.

 

 

No Twitter é possível encontrar registros indicando que a brincadeira começou a circular na web em janeiro de 2020, quando os primeiros alertas sobre o COVID-19 começaram a aparecer. Mas apenas nessa semana que a imagem se tornou viral nos principais países de língua inglesa. Ou seja, vai ser questão de tempo para chegar no Brasil.

Mas você pode dizer para todo mundo que viu o viral primeiro aqui!


Compartilhe