Devo confessar que, apesar do dia 01 de maio ser um feriado, foi um típico “Dia do Trabalho” para mim. E trabalho pesado. Afinal de contas, foi um grande trabalho migrar todos os meus blogs, os podcasts (que foram para outro servidor, e ainda precisam ser linkados de forma correta) e fazer todos os ajustes para que tudo funcione de forma correta. Aparentemente, tudo está funcionando, mas estou alerta para a bateção de cabeça que Hostgator e Locaweb ainda podem me promover.

De qualquer forma, estamos no ar de novo. Mais fortes, mais rápidos, mais consistentes. Como o TargetHD.net cresceu demais, a solução foi partir para uma hospedagem semi dedicada, ou uma hospedagem VPS. Com maiores possibilidades, acho que o blog vai crescer ainda mais, permitindo que eu expanda os meus negócios na internet. É como eu disse várias vezes nesse mês: eu estou indo para o tudo ou nada com essa história de ser um “empreendedor da internet”. Com isso, estou investindo pesado para ter a melhor estrutura possível para o meu trabalho. E apostando alto para que dê certo.

Mas esse não é o tema do post. O tema desse post é: quando você imagina que vai descansar, você vai carregar muita pedra. Mas entendo que essa é a tônica de quem quer vencer. E não estou falando da tônica com gin que você toma quando vai na balada. É a tônica do trabalho mesmo. Conheço muitos casos de sucesso que aproveitam aquelas algumas horas de sono perdido para produzir e ganhar dinheiro. Espero que, no futuro, esse seja o meu caso. Não preciso de 8 horas de sono mesmo. Então, quero aproveitar ao máximo essas outras horas onde a criatividade pode aflorar. São nesses momentos que soluções criativas aparecem.

Então, depois de um dia tenso, de ajustes, estresse, más notícias. É hora de relaxar. Não tive meu feriado, mas coloquei a minha fonte de renda no ar de novo, e isso é muito importante. Amanhã, a semana volta ao normal, e eu começo a preparar mais uma viagem para cobertura de evento de tecnologia (dessa vez, a Motorola).

Até lá, terei minhas boas horas de “Don’t Worry, Be Happy” debaixo dos edredons (por causa do frio).