Nos últimos seis meses, tivemos grandes lançamentos de smartphones da Samsung, LG e Sony, que encheram os olhos e esvaziaram o bolso de muita gente. Por outro lado, o leque de opções é muito grande, e mudar de dispositivo nos dias de hoje é uma aposta de risco. Não só por causa da tecnologia envolvida e os seus recursos técnicos, mas também por outros fatores que estão se tornando cada vez mais importantes, como suporte técnico, garantia, atualização do sistema operacional, e outros elementos que podem fazer o diferencial na hora da compra.

Além disso, ninguém pode prever o futuro, e não sabemos o quanto o cenário de tecnologia pode mudar, mas uma coisa parece ser discurso comum entre os especialistas do mundo da tecnologia: os smartphones vão seguir como o principal dispositivo de consumo tecnológico.

E, no específico dos smartphones, temos que adicionar a frase: “vale a pena esperar”. Baseado em tudo o que foi dito nos últimos seis meses, ao longo dessa semana, vamos comentar sobre cinco (hipotéticos) smartphones pelos quais você deve esperar o seu lançamento antes de você tirar o cartão de crédito da carteira. Vale lembrar que tudo o que vai ser dito nesses posts é baseado nas especulações lançadas no mercado, e até que eles se confirmem, as informações servem mais como registro para voltarmos a conversar sobre isso daqui a seis meses, para conferir acertos e erros nesse exercício de futurologia. Vejamos…

Esse é um produto praticamente dado como certo. Se não for lançado em 2012, será considerado uma das maiores decepções da história da Apple. O modelo, que já era especulado para 2011 e não foi lançado por diversos motivos, é alvo de supostos vazamentos de todos os tipos, principalmente aqueles que estão relacionados ao seu aspecto físico.

Para se igualar aos seus rivais, a Apple estaria preparando uma grande renovação de hardware no produto, adicionando uma tela maior, um maior número de recursos e funcionalidades e um novo chassi redesenhado, que segundo as descrições publicadas, deve ser mais resistente do que o iPhone 4S em caso de quedas involuntárias. Também de acordo com os rumores mais recentes, sua tela deve contar com, pelo menos, 4 polegadas, sendo assim maior que os seus predecessores pela primeira vez. Outras adições especuladas estão na presença do NFC, um novo dock conector, mais compacto, e um SoC melhorado, com um processador de quatro núcleos.

Por que vale a pena esperar por ele: porque esta será a primeira grande mudança do iPhone desde a transição do iPhone 3GS para o iPhone 4. Apesar da ausência de informações da Apple, seu lançamento para o final deste ano é dado como certo. A má notícia para nós, brasileiros, é que como vem sendo tradição da Apple, o produto não vai chegar por aqui até as vendas de Natal (chances remotíssimas), e com preços nada convidativos.

Mesmo assim, dificilmente a Apple deve decepcionar seus fãs, apresentando mudanças necessárias ao smartphone mais popular do mundo. Logo, a espera deve valer a pena.