Este é o império de Jeff Bezos

Compartilhe

Jeff Bezos deixou o posto de CEO na Amazon (e eu devia ter escrito sobre isso bem antes, mas sabe como é… o Xbox Series S chegou, e passo algumas horas da minha vida jogando), com o objetivo principal de dedicar mais tempo e energia para a filantropia.

É Bill Gates e Warren Buffet fazendo escola, o que não deixa de ser uma coisa boa de alguma forma. Se bem que, por outro lado, pense no quanto de imposto de renda que esses caras deixam de pagar…

De qualquer forma, Andy Jassy já foi escolhido como o substituto de Bezos no posto de CEO da Amazon, e o fato dele sair do posto mais importante da empresa não significa que ele não tem mais controle de decisão na empresa que ele construiu do nada.

Na verdade, a grande diferença é que não é mais ele que assina essas decisões. Outra pessoa fará isso por ele. Enquanto isso, Bezos vai descansar, gastando o seu dinheiro de homem mais rico do mundo e ainda é dono da Amazon.

Da Amazon, e de várias outras empresas.

Você já parou para pensar no tamanho do império de Jeff Bezos? Sabe quantas empresas estão sob o seu controle? Será que ele tem um conglomerado tão diabólico quanto Mark Zuckerberg?

Deixando de lado as teorias conspiratórias e paranoias, vamos revisar nesse post todas as principais empresas que hoje contam com Jeff Bezos como seu dono.

 

 

 

Amazon

 

 

Dispensa apresentações.

É a grande joia da coroa de Bezos. Começou como uma loja de vendas de livros novos e usados para se transformar na maior empresa de comércio eletrônico do mundo, sendo esta a principal referência e sinônimo de e-commerce.

Além disso, é uma das empresas mais dominantes do planeta, com inúmeros braços e serviços relevantes. Dois exemplos claros de sua força são o Amazon Web Services e o Amazon Prime.

 

 

 

The Washington Post

 

Bezos, viciado em leitura como só ele, decidiu comprar “apenas” um dos jornais mais influentes dos Estados Unidos, no mundo e um dos mais importantes da história do jornalismo. O dono da Amazon também é o principal acionista do jornal, mantendo o status de excelência do serviço.

 

 

 

Blue Origin

 

 

É a empresa aeroespacial e principal rival da SpaceX, que é de propriedade de Elon Musk. E agora você acabou de descobrir por que essas duas personalidades do mundo da tecnologia não se entendem muito bem.

 

 

 

Uber

 

 

Jeff Bezos não é exatamente o dono do Uber, mas mantém investimentos na empresa de transporte particular via aplicativo desde 2011. De tempos em tempos, ele foi envolvido de alguma forma com as polêmicas da empresa, mas nada que afetasse de forma significativa a sua imagem.

 

 

 

Airbnb

 

Outro investimento de Bezos. A empresa que oferece o serviço de locação de casas e apartamentos para turistas e usuários particulares sofreu um bocado com os eventos de 2020, mas com a grana do homem mais rico do mundo, pode se recuperar.

 

 

 

Plenty

 

 

É uma empresa de tecnologia agrícola que tem como principal diferencial promover o cultivo de alimentos livres de pesticidas e agrotóxicos. Nem preciso dizer que os produtos cultivados vão parar nas prateleiras da Whole Foods.

 

 

 

Lookout

 

Uma empresa que oferece serviços de ciber segurança, que até que está fazendo um bom trabalho com os próprios serviços da Amazon. Afinal de contas, não são noticiados tantos vazamentos da empresa como acontece no Facebook, por exemplo.

 

 

 

Juno Therapeutics

 

 

É a empresa líder em ensaios clínicos para desenvolvimento de imuno terapias para o tratamento do câncer. Se realizar avanços significativos dentro desse segmento, vai deixar Bezos ainda mais rico.

 

 

 

Grail

 

Mais um investimento de Bezos em uma empresa que está desenvolvendo tecnologias de detecção do câncer.

 

 

 

Fundbox

 

Um investimento de Bezos em uma empresa que fornece crédito para pequenas empresas. Engraçado… nunca recebi um cheque da Amazon… só o meu dinheiro foi para a empresa, nas compras pelo Amazon Prime.

 

 

 

EverFi

 

 

Bezos investiu dinheiro nessa startup de tecnologia educativa centrada na educação financeira.

 

 

 

Whole Foods

 

É a rede de supermercados que vende produtos orgânicos e alimentos naturais. Apesar dos produtos lá custarem o olho da cara, a rede é um verdadeiro sucesso de vendas. E é claro que é a líder dentro do seu segmento.

 

 

 

Outros investimentos de Jeff Bezos

 

 

A saber: Zappos, Songza, Wwitch, Alexa, Business Insider, DOMO, IMDb, Workday, Twitter, Rethink Robotics, Stack Over Flow e Remitly. Sem falar que ele foi um dos primeiros investidores no Google.

E isso tudo explica porque Jeff Bezos é hoje o homem mais rico do mundo (ou um dos mais ricos, dependendo do momento em que você está lendo este post no futuro).

 

 

Via Market Watch, GO Banking Rates


Compartilhe