Compartilhe

Algumas instituições públicas não estão muito familiarizadas com a tecnologia. Logo, é normal que quando tentam fazer algo que sai dos protocolos, algum problema acontece. Não é a primeira vez que acontece, e não será a última.

Uma coletiva de imprensa da Real Polícia Montada do Canadá foi “invadida” com os filtros de gatinhos tão populares em algumas plataformas. Em outras oportunidades, quando isso aconteceu, foi engraçado. Mas dessa vez, o contexto teve um viés bizarro: as autoridades estavam falando de um assassinato.

O streaming mostrava os oficiais falando de um assassinato de um casal formado por uma mulher norte-americana e um homem australiano. A transmissão era exibida no Facebook Live e, do nada, o filtro do gato foi aplicado quando o sargento Janelle Shoihet qualificou como “suspeitas” as mortes das duas vítimas.

Como padrão, o filtro de gato estava ativo uma vez que foi realizado o streaming, que foi apagado. Foi enviado um segundo streaming sem filtro, e a polícia pediu desculpas em sua conta no Twitter, alertando que a falha aconteceu por causa de um ajuste automático.

 

 

E não foi a primeira vez que o filtro de gatinhos deu as caras

 

Se você pensa que esse foi um problema inédito, se enganou. Outros streamings que, curiosamente, vieram de instituições governamentais também tiveram problemas com estes filtros. O caso mais hilariante foi o do político paquistanês em uma coletiva de imprensa que recebeu os tais filtros.

Porém, os incidentes mostram uma realidade que não é pensada por muitos. Talvez ver uma autoridade com um filtro seja algo engraçado, mas no contexto da polícia canadense, pode ser algo bem delicado. Ainda mais quando o tema é tão sério quanto um assassinato.

 

 

Não é algo gravíssimo, já que errar é humano. Mas é importante que antes de qualquer pessoa realizar um streaming, verifique todas as configurações e desative os filtros. Por mais que as pessoas possam dar risadas com esses incidentes, em alguns casos, o erro não tem graça alguma.

 

Via Gizmodo, Buzzfeed News


Compartilhe