Início » Minha Opinião » iPhone 12 mini é um fracasso da Apple?

iPhone 12 mini é um fracasso da Apple?

Compartilhe

Depois de meses de lançamento da família de smartphones iPhone 12, uma pergunta paira sobre muita gente na Apple e entre os especialistas de tecnologia: o iPhone 12 mini fracassou?

Longe de mim ser o cara pessimista a ponto de afirmar que um produto foi um fracasso sem ter números de vendas ou fatos mais concretos. Só fiz isso com o iPhone 5C porque, convenhamos, ele tinha tudo para dar errado: era um smartphone de plástico e hardware defasado que custava bem caro.

Muitos imaginavam que o iPhone 12 mini seria um sucesso. Acho que até eu cheguei a me arriscar a afirmar isso. E essa impressão não era por acaso, já que o iPhone SE 2020 é um sucesso, caindo no gosto de muitos usuários (eu, inclusive).

Mas a mesma aceitação não se repetiu no iPhone 12 mini, a ponto da sua produção cair de forma drástica. E é importante tentar verificar o que está acontecendo aqui, até mesmo para projetar um futuro para este modelo.

 

 

 

Algumas coisas explicam o possível fracasso

 

O iPhone 12 mini foi vítima de uma conjunção de fatores que, de forma infeliz ou desastrosa, afetaram no seu desempenho de vendas.

O primeiro fator, que é o que considero o mais importante para explicar o possível fracasso do iPhone 12 mini, é aquele que ainda é o mais relevante para qualquer consumidor de tecnologia: o preço.

Se lá fora ele foi considerado um dispositivo com um preço muito próximo daquele cobrado pelos modelos maiores, que dirá aqui no Brasil, onde a versão menos cara desse smartphone custa a partir de R$ 6.999. Está bem longe de ser acessível para qualquer mortal, e se é para ter um iPhone pequeno e potente para chamar de seu, é melhor fazer o mesmo que eu fiz, e investir em um iPhone SE 2020, que tem tudo isso e custa a metade do preço.

Tá, você pode até falar que o iPhone SE tem um design velho, apenas uma câmera traseira e tela menor. E eu vou concordar com você.

Mas cinco segundos depois, eu vou dizer “DANE-SE”, pois tudo o que eu quero é um iPhone que funcione bem e nada mais.

O segundo fator que prejudicou o iPhone 12 mini foi esse momento meio complicado que nós vivemos, onde todo mundo teve que passar a usar máscara para sobreviver. E isso afetou de forma direta ao sistema de reconhecimento facial, já que o Face ID não estava preparado para isso.

Resultado: até a Apple está pensando seriamente em voltar atrás (já deveria ter feito isso), trazendo o Touch ID de volta aos seus dispositivos (não apenas nos smartphones, pois uma imagem vazada indica que o próximo iPad deve trazer este recurso de volta).

 

 

 

Tem salvação para o iPhone 12 mini?

 

Ao que tudo indica, não. Ainda mais com os rumores de um possível lançamento do iPhone SE Plus, que seria baseado no iPhone 11 e contaria com tudo aquilo que o iPhone 12 mini não tem, incluindo o leitor de digitais na tela.

O iPhone 12 mini não é a versão do smartphone da Apple mais vendido em nenhuma região do planeta, e isso pode indicar que o consumidor preferiu ir direto para o iPhone 12 e ignorar o modelo menor, buscando uma melhor relação custo-benefício.

Ou seja, não é exagero afirmar que o iPhone 12 mini pode sim estar com os dias contados, sendo assim um erro materializado da Apple na atual família de smartphones. Mas vamos esperar pela confirmação do suposto iPhone SE Plus. Se ele aparecer, é sinal que o 12 mini está mesmo fadado ao desaparecimento.

 

 

Via Softpedia


Compartilhe