Compartilhe

Me surpreende como as pessoas ainda questionam uma profissional como Laura Muller. Apesar da moça ser mais conhecida por ter que responder as perguntas que começam com “um amigo meu queria saber” ou “minha amiga me contou”, ela é uma das mais competentes profissionais na área da sexualidade no Brasil.

E tem gente ignorante que ainda questiona os seus conhecimentos.

 

 

Laura Muller explicou bem: SEXUALIDADE É DIFERENTE DE SEXO

 

Não é de se admirar que adultos criados (ou gente velha mesmo), que desenvolveu a sua sexualidade com cabras, bodes de coqueiros (sim, isso existe…) queiram discutir com Laura Muller a diferença entre sexualidade e sexo. Diferença essa que não é nem sutil quando olhamos para os termos em estado puro.

Aliás, esse medinho que os adultos abraçam em ver os seus filhos e netos aprendendo sobre sexualidade não estava manifesto em nenhum momento quando as criancinhas ficavam dançando na boquinha da garrafa durante o programa do Gugu Liberato na hora do almoço de domingo. Todo mundo achava “bonitinho” e “uma gracinha”.

É hipocrisia que chama isso?

Eu não sou audiência fiel ao Altas Horas, mas nunca me recusei a ver o programa quando algo me despertasse o interesse. E como um ser humano que adora sexo (e adora consumir informações sobre sexo), ver o quadro da Laura Muller sempre foi algo instrutivo.

O que não é nada instrutivo é ver pessoas que não sabem diferenciar SEXUALIDADE de SEXO batendo boca e questionando uma profissional competente e conhecedora do assunto com profundidade. Acho que a maioria das pessoas que jamais tiveram a chance de aprender de forma racional o que é sexualidade deveriam é aprender um pouco com Laura, e não questioná-la.

Aliás, os adultos não deveriam sequer tentar determinar a sexualidade dos seus filhos. Esse é um erro grosseiro. Muito mais importante é incentivar as crianças a conhecerem o seu interior o quanto antes. Quanto mais rápido isso acontecer, maiores são as chances das crianças do futuro serem mais felizes que os adultos do presente.

Todo o meu apoio à Laura Muller. Todo o meu apoio ao conhecimento, à informação, ao diálogo aberto, direto e enriquecedor.

 


Compartilhe