lenovo-phab

Aonde, Lenovo? A-ON-DE que um smartphone com tela de 6.98 polegadas pode ser considerado um phablet? Você realmente acha que, por causa de apenas 0.02 polegada a menos de tela, o Lenovo Phab Plus (e sua variante, o Lenovo Phab) sai automaticamente da categoria de tablets? Nem pensar!

Não vou julgar a qualidade do produto, que parece ser interessante para um dispositivo com um hardware intermediário (carcaça de metal, o onipresente processador Qualcomm Snapdragon 615, 2 GB de RAM, 32 GB de armazenamento, câmeras de 13 MP e 5 MP, etc). Talvez a sua bateria de apenas 3.500 mAh é o grande ponto de discórdia, já que estamos falando de um produto com uma tela com grandes dimensões.

Também não vamos falar do seu preço (US$ 299), que até que é honesto para um produto do seu porte.

A grande questão é: você se imagina colocando um produto desse tamanho na lateral do seu rosto para atender uma chamada? Se imagina fazendo isso dentro do metrô ou no meio da rua? Consegue se ver colocando esse produto no bolso dianteiro da sua calça jeans, como faria em um phablet qualquer?

Se a resposta for ‘não’ para as três, é sinal que, para você, esse produto está muito mais para um tablet do que para um phablet. Tudo bem, eu conheço gente que não se imagina fazendo as três coisas com um smartphone com tela de 5.5 polegadas. Mesmo assim, estamos falando de 6.98 polegadas, caramba!

Lenovo… a verdade te libertará!

O que custa chamar o produto de tablet logo de uma vez? Só porque ele tem a função de telefonia? Outros fabricantes também contam com dispositivos com telas de 7 polegadas, mantém a função telefônica nos mesmos e, mesmo assim, chamam o dispositivo de tablet. Não de phablet.

Não acho que o Lenovo Phab Plus vai confundir o grande público por conta de sua terminologia. Porém, é meio complicado querer tapar o sol com a peneira. Complicado e denecessário. Nesse aspecto, eles poderiam simplificar. Não há motivos para colocar uma denominação para um produto que não recebe essa denominação.

Não é difícil colocar nomes nas coisas, Lenovo. Basta um pouco de criatividade e boa vontade.