LG, uma mãe ingrata no mercado de smartphones | @oEduardoMoreira Press "Enter" to skip to content
Início » Notícias » LG, uma mãe ingrata no mercado de smartphones

LG, uma mãe ingrata no mercado de smartphones

Compartilhe

A notícia do fim das atividades da LG no mercado de smartphones foi dolorida para os usuários de dispositivos da marca, mas pouco surpreendente para quem acompanha o segmento mais de perto. Depois de tantas decisões infelizes e produtos que eram bons mas não bons o suficiente para bater de frente com Apple e Samsung, os coreanos jogaram a toalha.

Agora, sabemos que a LG vai deixar os seus clientes órfãos e abandonados, com o anúncio do fim do suporte aos desenvolvedores de software para seus dispositivos em 31 de dezembro de 2021.

A LG prometeu que o suporte para atualizações, correções de segurança e suporte iria funcionar “durante um tempo”. Mas ninguém poderia imaginar que seria um tempo tão curto.

 

 

 

Uma mãe ingrata

Se eu fosse um usuário de algum smartphone da LG, eu estaria puto. E entendo a ira das pessoas que, muito em breve, ficarão com um peso de papel chique nas mãos.

Só agora meu pai abandonou o LG K61 que quase não funcionava mais, e optou por passar para um dispositivo Samsung. Sei que meu pai não é parâmetro para nada na experiência tecnológica, mas cito ele como exemplo de fidelidade de muitas pessoas aos telefones da marca coreana.

Durante muitos anos da minha vida, utilizei com plena satisfação o LG G2 e o LG G3 como telefone principal. Gostei muito do LG G4, e só não fiquei com um porque não tinha grana na época.

Agora, pense na quantidade de pessoas que investiram o seu dinheiro nos smartphones da LG ao longo dos anos para ver a empresa encerrar o seu vínculo com os desenvolvedores com um curto e direto comunicado:

“Gostaríamos de expressar nossa profunda gratidão a todos os desenvolvedores que visitam o site de desenvolvedores móveis da LG.”

Uma mãe ingrata, sem sombra de dúvida.

Abandonar os desenvolvedores significa neste caso abandonar também os usuários. Sem novas soluções de software (e, principalmente, sem o suporte da LG para o desenvolvimento de novos softwares), os smartphones da empresa ficarão obsoletos.

E o mais sério de tudo isso: você fica sem correções de segurança para brechas que certamente vão aparecer no futuro.

E você quer usar um smartphone dessa forma?

 

 

 

E a LG ainda tem smartphones para vender…

O Eduardo Moreira do passado diria que este seria o melhor momento para comprar um smartphone da LG. Afinal de contas, os preços dos telefones despencaram nos últimos meses, e para muitos usuários essa seria a melhor alternativa para comprar um bom dispositivo por um preço acessível.

Porém, diante dessa notícia, jamais eu recomendaria que você, amigo leitor que não tem muita grana no bolso, investisse um centavo sequer no futuro peso de papel mais caro da história.

Chega a ser revoltante ver smartphones da LG disponíveis para compra no mercado brasileiro. Deve ser a sobra de estoque dos e-commerces e operadoras. Mesmo assim: eu penso na quantidade de clientes que podem ser enganados nas próximas semanas, pois vão pagar por um telefone que estará completamente abandonado em breve.

E que fique bem claro: eu não tenho nada contra a LG. Minha Smart TV é da LG e eu estou plenamente satisfeito com ela. Porém, no mercado de smartphones, a empresa tem um final de vida vergonhoso.

E os clientes mais leigos merecem saber as causas e consequências sobre o investimento em um telefone da LG neste momento.


Compartilhe