vettel-zerinho

Faz um bom tempo que não escrevo sobre F1 nesse blog. E quando volto a fazer isso, é por um pedido simples: dona FIA, libera o zerinho pra galera!

Amigo leitor, se coloque na seguinte situação: você tem 26 anos de idade, tem a impetuosidade de ser quatro vezes o melhor do mundo naquilo que você faz (e isso, nos últimos quatro anos), está quebrando todos os recordes daquilo que você faz, conquistando tudo aquilo que você sempre sonhou (ou fez apenas no videogame até então)… e quando você chega lá, você não tem o direito ao zerinho?

Sério, dona FIA… a senhora está velha, antiquada, já não vê um garotão como Sebastian Vettel te dominar de forma tão competente e eficiente… libera o zerinho, e a senhora será mais feliz!

Siga o exemplo da dona NASCAR, que é tão velha quanto a senhora, mas com algumas plásticas, maquiagens e a popularidade de Dale Earnhardt Jr, se modernizou a ponto de dar o zerinho toda semana!

Dar o zerinho faz bem, dona FIA! Liberta, diverte o público que asiste, deixa aquele que está dominando o zerinho feliz, além de mostrar para todo mundo como se faz. É praticamente a poesia física retratada na forma geométrica mais perfeita que existe, e com o bônus do pneu queimado.

Dona FIA… não se deixe levar pelo tradicionalismo babaca, pelo conservadorismo que não leva a lugar nenhum, e nem mesmo pelos preconceitos bobos, daqueles ignorantes que dizem que dar o zerinho é algo de gente que não presta. Dar o zerinho é bom e saudável. Além do mais, você vai deixar o garotão Vettel feliz, e ele nunca vai deixar você na mão. Te dominando por mais algum tempo, se é que você me entende.

Portanto, nada de punir Vettel. Não deixe ele na mão. Libera o zerinho pro garoto! Na idade dele, faz muito bem.

Na sua, então, nem se fala!