Compartilhe

Vários setores da sociedade que não estão diretamente relacionados com a saúde (não podemos dizer todos porque tem uma galera idiota batendo em profissionais da medicina no Brasil) estão tentando ajudar na luta ou prevenção da pandemia que afeta todo o planeta. Diversas empresas iniciaram campanhas para alcançar o grande público.

A Disney (que foi uma das primeiras a tomar uma atitude ao fechar os seus parques em todo o planeta), por exemplo, está produzindo máscaras de proteção com as imagens dos seus personagens mais icônicos. E óbvio que a empresa quer lucrar com a medida, e você bem sabe o que isso significa para nós: produtos muito mais caros que os convencionais.

Você até pode produzir a sua máscara caseira com aquela camiseta velha do Mickey ou dos Vingadores que está escondida no fundo do guarda-roupa, que o efeito moral e prático será o mesmo. Porém, como a Disney é dona da porra toda, ela pode se dar ao luxo de explorar todas as suas principais franquias, ganhar muito dinheiro com isso e, de quebra, ajudar a outros que mais precisam.

Entre as franquias utilizadas pela Disney para a produção das máscaras temáticas, você vai encontrar personagens dos filmes da Marvel, Star Wars, Pixar, entre outros. E a gigante do entretenimento deve faturar tanto com a venda dessas máscaras, que pode se dar ao luxo de doar US$ 1 milhão dos lucros obtidos com suas vendas para a organização de ajuda humanitária MedShare.

Ou seja, as entidades que nesse momento lutam para conter a expansão do COVID-19 com poucos recursos vão receber uma injeção financeira para se manterem saudáveis na prevenção e combate à pandemia (um trocadilho honesto nesse post).

A Disney reforça que as suas máscaras não estão habilitadas para o uso pelos profissionais de saúde, mas sim para o coletivo e para as pessoas que realmente precisam sair de casa para exercer as suas atividades consideradas essenciais (ir ao supermercado, farmácia, realizar exercícios físicos por até 60 minutos, transporte público, etc).

Lembrando sempre: se você não precisa ir para a rua, por favor, fique em casa. É muito importante tentar evitar a propagação do vírus dessa forma. Caso contrário, o Brasil vai levar mais tempo para conter a pandemia, e os riscos da crise se transformar em uma epidemia são enormes.

 

 

 

Quanto custam as máscaras da Disney

 

Antes de falar de preços (pois essa parte é importante), você vai encontrar nas máscaras da Disney imagens de personagens de filmes muito famosos da companhia, como Os Vingadores, Toy Story ou Star Wars (incluindo é claro o R2D2 e o Baby Yoda, pois sem eles muita gente nem se interessa na compra).

O objetivo da Disney com essa iniciativa (além de obter lucros, é claro) é ajudar as instituições de saúde nesses momentos difíceis, além de oferecer algum tipo de consolo e bom humor para as famílias.

As máscaras da Disney custam US$ 19,99 em um pacote com apenas quatro unidades. Sim, amigo leitor: essas máscaras custam muito mais caras que as convencionais, e qualquer máscara caseira que você fizer vai custar muito mais barato que essas máscaras customizadas.

Mas ao menos você paga bem mais caro para ajudar a quem precisa. Logo, é uma questão de avaliar se o custo colateral no bolso compensa o custo moral.

 

 

Via The Verge


Compartilhe