Compartilhe

Big_Data_Analytics_Platform

A mundialmente conhecida The Michael J. Fox Foundation (MJFF) e a Intel uniram suas forças para um novo projeto, onde os dispositivos pessoais são os protagonistas, coletando informações que podem ajudar na pesquisa do Mal de Parkinson.

Os pacientes utilizam uma pulseira quantificadora, que mede as 24 horas de atividades de forma mais objetiva e confiável, analisando a velocidade de movimento, a severidade dos tremores e a qualidade do sono. Esses dados são processados por uma plataforma de análise de dados desenvolvida pela Intel, que oferece o software open-source da pesquisa, armazenamento e manipulação de dados Cloudera.

parkinsons

No futuro, essa plataforma pode ser usada para técnicas mais avançadas, com o objetivo de desenvolver modelos preventivos que detectem as mudanças na doença de forma muito mais precisa. O estudo está trabalhando também em um aplicativo para dispositivos móveis, que permitirá aos pacientes introduzir dados sobre os medicamentos tomados, anotar suas sensações, e inserir outras informações que complementam os dados coletados.

 

+info


Compartilhe