Moto 360-2015-02

O novo Moto 360 (2nd Editon) é uma realidade. Foi anunciado na IFA 2015, com mais de uma versão, com a clara intensão de agradar o público masculino e feminino, principalmente o feminino. Ao que tudo indica, são as mulheres aquelas que deve ser conquistadas por esse tipo de gadget.

Os novos smartwatches da Motorola/Lenovo conservam a mesma fórmula de sucesso do modelo lançado no ano passado, e que é considerado até agora o mais bem sucedido relógio inteligente com sistema Android Wear no mercado. Talvez o principal elemento desse sucesso foi justamente a sua proximidade com um relógio convencional, através de um design com tela redonda. Isso resultou em um produto visualmente bonito, atraente, e que não parecesse necessariamente um gadget que chama a atenção dos olhares alheios.

Aliás, esse é um aspecto curioso do segmento dos smartwatches. O grande público preferiu designs que se assemelham ao relógio que eles já usam hoje, e não algo futurista e chamativo. É compreensível.

Moto 360-2015-01

Fato é que o novo Moto 360 mantém a sua beleza no design… e a barra preta na parte inferior da tela, tão criticada na primeira versão. Ao menos dessa vez a Motorola explicou para que ela serve: lá está o sensor de luminosidade do relógio. De qualquer forma, duas versões – com 46 mm e 42 mm de diâmetro – estão disponíveis, para atender ao gosto e ao pulso de usuários com diferentes perfis de uso.

Para as mulheres, várias edições de pulseiras com espessura menor, além de um novo sistema para instalação e remoção de pulseiras, visando oferecer algo mais prático e intuitivo. E é legal ver uma empresa apostando nos gadgets para o público feminino, mesmo sabendo que, no final das contas, o que importa é um maior volume de vendas, e o dinheiro que essas vendas pode oferecer.

Moto 360-2015-03

O usuário esportista também não foi esquecido. O Moto 360 Sport, com pulseira emborrachada, conectividade via Bluetooth, GPS, pulseira especial tela com tecnologia que permite uma melhor visualização em ambientes externos, está prometida para um momento posterior. É um dos segmentos que os smartwatches atendem muito bem, o que justifica o investimento em uma versão específica.

Uma das questões a serem respondidas é se o novo Moto 360 consegue mesmo oferecer uma maior autonomia de bateria. No modelo de 46 mm, essa bateria é de 400 mAh, mas no modelo de 42 mm, a bateria cai para 42 mm. A Motorola afirma que, com um processador mais eficiente, os dois dias de autonomia de uso normal estão garantidos. Mas só na prática para saber. Esperamos que eles realmente tenham ajustado esse detalhe.

Por fim, o Moto 360 2nd Edition pode entrar na lista dos desejados de muita gente. Mantém a sua aposta bem sucedida do ano passado, com algumas melhorias bem vindas. Se acertarem no quesito bateria, pode novamente ser o campeão entre os smartwatches com Android Wear e, quem sabe, superando os modelos com outros sistemas operacionais.