sony-xperia-z2-10

Essa foto parece até um simbolismo do que foi a manhã de hoje (24), com os anúncios da Sony na Mobile World Congress 2014. Nada contra o pessoal da Sony, e quem sou eu para determinar quando os fabricantes devem anunciar as suas novidades em um evento de mobilidade. Porém, é impossível não destacar que é um grande erro fazer anúncios no mesmo momento que a Nokia está apresentando nada menos que o seu primeiro smartphone com o sistema Android (ou algo que o valha, já que não é tão Android assim…).

O duro é que os lançamentos da Sony de hoje são interessantes: um novo smartphone top de linha (Sony Xperia Z2), um novo tablet à prova d’água (Sony Xperia Z2 Tablet), um novo modelo de linha média (Sony Xperia M2), uma pulseira que monitora todas as atividades do usuário (Sony SmartBand) e até o smartphone dual-chip mais potente do mercado (Sony Xperia T2 Ultra Dual). Ou seja, foi para Barcelona chutar bundas, certo?

Ok… mas resolvem fazer isso quando Stephen Elop, em um dos seus últimos eventos como CEO da Nokia, apresenta o Nokia X, o smartphone “que roda apps do Android” (como a Nokia preferiu dizer várias e várias vezes durante o evento de lançamento hoje)? Não só um, mas TRÊS modelos com as mesmas características (Nokia X, Nokia X+ e Nokia XL), onde todos estão discutindo até agora se serão sucesso ou fracasso?

Sério mesmo, Sony? Lamento dizer, mas foi um chute no vácuo, e não na bunda da concorrência!

Não custava esperar pelo menos duas horas para liberar os releases de imprensa? Falo por conhecimento de causa: monitorando os acessos do TargetHD, os posts sobre as novidades da Nokia na MWC 2014 estão liderando as visitas do dia. Só agora (14h em diante) que o pessoal começou a se lembrar do que a Sony apresentou na feira de Barcelona. E isso é bem natural: mesmo com a Sony mostrando produtos legais e interessantes, é muito mais assunto ver a Nokia tentando conquistar o mercado de entrada de smartphones com um modelo que precisa enfrentar os Androids de entrada no modo “cabeça a cabeça”.

Um conselho, Sony? Não precisa ter pressa. Da próxima vez, faça como a Samsung: ocupe o último horário do dia em Barcelona, e faça um evento de apresentação sem precisar disputar pautas com (quase) ninguém. Sem aviso prévio, e disputando com um evento em andamento, dificilmente as pessoas darão prioridade para as suas novidades.

E olha que eu quero escrever sobre os lançamentos da Sony (e fiz isso no TargetHD). Mas diante das variáveis…

Sorry, Sony. Pense em tudo o que eu escrevi aqui da próxima vez…