nokia 2

O Nokia 2 mal foi anunciado, e já vejo um monte de gente reclamando dos seus 1 GB de RAM. Eu entendo vocês, mas preciso explicar para quem realmente serve esse dispositivo.

Eu sei. 1 GB de RAM é quase nada para o Android, um sistema operacional que historicamente é conhecido por ser um devorador de recursos para oferecer um desempenho mais fluído. Eu já escrevi sobre isso nesse mesmo blog, criticando o LG K10 (2016), que chegou ao mercado com 1 GB de RAM quando o Android Marshmallow já devorava os recursos de hardware.

Agora, a Nokia lança o Nokia 2, e não é porque é a Nokia que eu devo ser incoerente. Sim… o Nokia 2 com apenas 1 GB de RAM não serve para mim. Também não deve servir para você, geek viciado em tecnologia, que está lendo esse post.

O Nokia 2 também não serve para a maioria dos usuários de linha média, que querem um pouco mais do dispositivo além do básico. Para quem quer alguns joguinhos casuais, um pouco mais de tempo no YouTube sem travar, apps de escritório e ver vídeos em Full HD. Nem de longe esse aparelho serve para isso.

Então… para quem o Nokia 2 serve?

Oras, para quem quer o básico!

 

 

Para aquele seu filho pequeno que vai ter o seu primeiro smartphone, para aquelas pessoas que querem um smartphone secundário para determinadas situações (shows, eventos esportivos, praia, etc) onde o smartphone principal não pode correr riscos. Ou para aquela sua avó, que não tem smartphone, mas quer receber nudes dos seus amigos pelo WhatsApp. O modelo também é bem vindo nos mercados emergentes, ou em países onde modelos mais baratos são mais vendidos (aka Índia).

O Nokia 2 a US$ 99 é um bom negócio para esse grupo de pessoas que citei no parágrafo anterior. É importante lembrar que estamos falando de um dispositivo que tem o Android puro, ou seja, vai receber o Android Oreo mais rápido que os demais, e a Nokia aposta nisso para obter uma melhor estabilidade do dispositivo justamente com o melhor gerenciamento de recursos do Android Oreo.

E não é só a Nokia/HMD Global que aposta nisso. Todos os principais fabricantes Android seguem essa mesma aposta. Logo, não será surpresa ver outros dispositivos com 1 GB de RAM e Android Oreo. Podem apostar.

Além disso, o Nokia 2 conta com uma generosa bateria de 4.100 mAh, que deve fazer a alegria de quem precisa apenas do básico, com uma autonomia que deve alcançar os dois dias de uso moderado. Essa é uma tranquilidade que esse grupo de usuários pode ter, e que é bem vinda para qualquer usuário.

Logo, o Nokia 2 tem o seu público. E muito provavelmente não é eu ou você que lê esse post.

Aceita isso, e siga em frente.