huawei-mate-9

Os fabricantes tradicionalmente tentam evitar lançar produtos no mesmo período de seus concorrentes. A ideia é se antecipar em horas ou dias para roubar o protagonismo, ou senão é obrigado a conviver com os demais fabricantes nas grandes feiras de tecnologia.

Porém, alguns fabricantes, de tanto esperar o timing certo, correm o risco do seu produto naufragar. É o caso da Huawei, que pode lançar o seu Huawei Mate 9 tarde demais, o que o deixaria com as migalhas que Apple e Samsung deixariam.

 

Agosto, setembro… e novembro?

 

huawei-mate-9-02

 

Poucas pessoas duvidam que o Samsung Galaxy Note é o melhor phablet do mercado. Por conta do seu sucesso, a Apple decidiu oferecer um iPhone Plus com tela de 5.5 polegadas. E é fato que o Huawei Mate 9 tem que enfrentar os modelos de tela grande desses dois fabricantes.

O Galaxy Note 7 (apesar dos seus embrolhos de bateria) e o iPhone 7 Plus estão no mercado. E eles não são os únicos a chegarem antes de um Huawei Mate 9, cujos últimos rumores indicam a data de 8 de novembro para seu lançamento. Ou seja, daqui a pouco menos de dois meses. Muito tempo, ainda mais quando tem um Google Pixel XL e, provavelmente, Xiaomi Mi Note 2, estão a caminho.

Nesse momento, a Huawei é o terceiro maior fabricante do mercado, e o segundo maior com o Android. Mas chega para a briga com um atraso enorme, e isso pode fazer com que eles percam a mesma antes mesmo de começar. Talvez com a campanha de natal em mente, o Huawei Mate 9 deve chegar ao longo do mês de novembro… com quase todas as compras dos grandes smartphones decididas ou realizadas.

 

O que promete o Huawei Mate 9?

 

huawei-mate-9-03

 

Nesse ponto, parece que não há outro remédio a não ser aceitar que o Huawei Mate 9 chegará no mercado no final de 2016. Lembrando que a empresa quer dominar o mundo mobile em 2020.

Logo… o que eles podem ter preparado para chamar a atenção aos 45 do segundo tempo?

O último benchmark vazado revela uma tela IPS LCD de 5.9 polegadas (Full HD, 374 ppp), processador HiSilicon Hi3660 com GPU Mali-T880, mas também pode ser um Kirin 960, acompanhado com supostos 4 GB de RAM, com um modelo superior de 6 GB e 64 GB de armazenamento.

Nas câmeras, um sensor traseiro duplo de 20 MP, mas alguns benchmarks tem dificuldades em detectar determinadas configurações, o que deixa esse dado como um rumor. Já o sensor frontal contaria com 8 MP.

Com um lançamento tardio, o Mate 9 não pode sequer receber o título de ser o primeiro smartphone com o Android 7.0 Nougat, pois o LG V20 já tem essa honraria. Resta então a espera para que novos dados sobre o modelo sejam revelados.

E que uma dessas informações seja a antecipação do seu lançamento.