Início » Variedades » O Linux completou 30 anos

O Linux completou 30 anos

Compartilhe

Em 25 de agosto de 1991, Linus Torvalds apresentou o Linux ao mundo. E não é um exagero afirmar que esse sistema operacional mudou o mundo de forma surpreendente.

Sua tecnologia está presente em várias tecnologias que são muito relevantes nos mais diferentes campos, mas também porque o seu modelo de desenvolvimento se popularizou demais, tanto no setor empresarial quanto na filosofia de desenvolvimento de software.

 

 

 

30 anos de uma jornada fascinante

 

 

O Linux completa 30 anos de vida, assim como o movimento do software livre, já que as duas iniciativas contam com caminhos convergentes. Muitas pessoas até confundem que o sistema operacional em si é sinônimo de software livre, sendo que o segundo abrange um conceito muito maior.

Hoje, o Linux é um onipresente no mundo tecnológico, se fazendo presente em alguns dos principais servidores do mundo, em diversas plataformas de vários produtos informáticos com os mais diferentes formatos, além de ser a raiz do sistema operacional Android, que é a força dominante do segmento de smartphones.

Durante muito tempo, as pessoas esperavam que “tal ano fosse o ano do Linux” no mercado de computadores, algo que efetivamente nunca aconteceu. Bom, não aconteceu dentro do segmento de computadores domésticos, pois já mencionei que nos servidores ele se tornou muito relevante.

Mas talvez Torvalds nem contava com essa realidade. Para ele, o Linux venceria neste cenário em específico:

 

“Se a Microsoft alguma vez fizer aplicações para Linux, significa que ganhei”.

 

Ou seja, Linus ganhou há muito tempo e, considerando a era Satya Nadella, ganhou de goleada.

O Linux hoje se faz presente em servidores, computadores pessoais, supercomputadores, dispositivos embarcados, na telefonia móvel, computação automotiva, eletrônicos de consumo, serviços na nuvem, internet das coisas, inteligência artificial, machine learning, deep learning e muitas outras tecnologias nos mais diferentes campos.

São tantos formatos diferentes, que não afirmar que o Linux venceu é algo absurdo. E o melhor que posso dizer neste momento é: aplaudo de pé os 30 anos de um sistema operacional que prosperou em um mundo onde a Microsoft sempre se apresentou como força dominante.

Isso é algo para poucos. Nem mesmo a toda poderosa Apple foi tão bem sucedida neste aspecto.

Sim, amigo leitor. Esta é uma baita provocação para os fanboys da Apple.

 

 

 

A mensagem de apresentação do Linux, by Linus Torvalds

 

 

Olá a todos usando minix –

Estou desenvolvendo um sistema operacional (gratuito) (apenas por hobby, não será grande e profissional como o GNU) para clones do AT 386 (486). Essa ideia está amadurecendo desde abril e agora começa a ficar pronta. Eu gostaria de receber comentários sobre coisas que as pessoas gostam e não gostam no minix, já que meu sistema operacional se parece um pouco com ele (mesmo layout físico do sistema de arquivos (por razões práticas) entre outras coisas).

Eu já portei o bash (1.08) e o gcc (1.40) e as coisas parecem funcionar. Isso implica que eu poderia ter algo prático em alguns meses e gostaria de saber quais recursos as pessoas mais gostariam de ter. Todas as sugestões são bem-vindas, mas não prometo implementá-las todas 🙂


Compartilhe