Início » Software » O que deu errado no Windows 10X?

O que deu errado no Windows 10X?

Compartilhe

Acontece. Às vezes as coisas dão errado, e simplesmente não vingam ou não acontecem. E foi mais ou menos isso o que aconteceu com o Windows 10X, versão do sistema operacional da Microsoft para dispositivos com tela dupla ou equipamentos com hardware restrito.

Mas é importante entender o que aconteceu aqui. O Windows 10X era um sistema operacional promissor, e a Microsoft tinha um plano relativamente sólido para consolidar o seu sucesso.

O que foi que deu errado, afinal de contas?

Vou compartilhar com você alguns dos meus pensamentos sobre o assunto.

 

 

 

Muito barulho por nada

 

 

Quando o Windows 10X foi apresentado, a Microsoft fez um belo barulho sobre as suas possibilidades. Tanto barulho, que muitos se sentiram atraídos pela proposta de sistema operacional funcional para dispositivos de tela dupla.

Por outro lado, a Microsoft não levou adiante nenhuma de suas iniciativas de dispositivos com tela dupla, o que fez com que o Windows 10X começasse a perder força logo de largada. E hoje nós entendemos que a gigante de Redmond estava mais experimentando a proposta para o mercado do que necessariamente avançando com ela para entregar um produto final.

Sabe aquela ideia do “vamos mostrar isso; vai que cola…”? Então…

No meio do caminho, a Microsoft mudou de ideia, apontando os caminhos do Windows 10X para os dispositivos mais modestos, o que também era uma ótima ideia. Ninguém melhor que a gigante de Redmond para bater de frente com o Google, que está indo muito bem com o Chrome OS.

Dessa forma, esta versão “alternativa” do Windows 10 recebeu características pensadas nos notebooks com um hardware mais restrito, com a promessa que o novo software poderia melhorar a performance desses computadores. Muitos chegaram a especular pela troca do atual sistema pelo alternativo, mas a Microsoft cortou o barato de todo mundo ao afirmar que o software só funcionaria em novos computadores.

E agora… o Windows 10X morreu de vez, e jamais vai chegar ao mundo. Os Insiders testaram o sistema operacional, e o software deve ser distribuído de forma alternativa pela internet. Mas a grande maioria só vai ver esse sistema como mais uma lenda do mundo da tecnologia.

 

 

 

Uma saída honrosa?

 

 

Não dá para afirmar se o Windows 10X seria um grande sucesso ou um retumbante fracasso. Isso é algo muito relativo. Mas a proposta era bem promissora.

A Microsoft promete implementar no Windows 10 os principais aprendizados que a empresa absorveu no desenvolvimento do Windows 10X. Mas isso não é a mesma coisa. Jamais vamos ver esse sistema operacional funcionando em um dispositivo com tela dupla.

Bom, quero dizer… o futuro do Surface Neo ainda é incerto. Mas duvido que a Microsoft vai lançar o produto no mercado com o Windows 10 tal e como conhecemos. A ideia da versão alternativa do software era justamente adaptá-lo para um formato de dispositivo diferenciado. Sem isso, qual é o futuro que esse produto tem?

Ah, sim, é claro… a Microsoft pode vender o formato do produto para outros fabricantes desenvolverem soluções próprias… que jamais vão chegar perto de ser um produto oficial e 100% pensado naquele formato.

Boa sorte para quem tentar.


Compartilhe