Oppo. Find. X.

Hoje, todo mundo conhece a Oppo. Mas em um passado não muito distante, a marca era considerada a pata feia da telefonia. Ninguém dava nada pelos seus produtos. Hoje, por causa do Oppo Find X, a marca virou revolucionária.

Eu acho isso muito bom.

Ficamos tão presos aos principais players do mercado, que só agora olhamos para os lados, e descobrimos que existe vida além das principais marcas.

Mais: toda uma geração encontrou na importação a melhor via para obter os produtos de tecnologia tão desejados, e pagando um preço mais competitivo do que aqueles cobrados pelas principais marcas.

Find. X.

Quando as pessoas descobriram as marcas asiáticas – e que elas não estavam tão distantes assim da nossa realidade -, todo um novo mercado nasceu e começou a se movimentar.

E se movimentar de forma intensa.

Muita gente queria os dispositivos da Oppo porque encontraram qualidade em seus produtos. É claro que alguns detalhes podem ser questionados, como o motor de ejeção da câmera frontal do Oppo Find X, ou até mesmo os sensores fotográficos.

Mesmo assim… não podemos dizer que a Oppo não está tentando fazer algo diferente. Especialmente quando a maioria das marcas optaram por abraçar o notch sem questionar.

X.

O Xis da questão.

O quão inovadora é a proposta da Oppo? Será que é mesmo inovação? Ou pura perfumaria?

Prefiro acreditar que a Oppo está tentando alguma coisa, algo que a maioria não está fazendo. Os demais fabricantes preferiram seguir a tendência do mercado, enquanto que nosso protagonista asiático quer liderar uma nova tendência.

Não dá para saber se a solução da Oppo será aceita ou adotada pelos demais fabricantes. Tudo indica que não, pois ainda existe uma curva de evolução que precisa ser respeitada.

Mas é ótimo constatar que algum fabricante está tentando sair do lugar comum. É um ar fresco que nos deixa um lampejo para algo melhor que pode chegar.