Doom foi lançado em 1993, e apesar de ser taxado de ultra-violento e satânico entre os mais conservadores, este é considerado um dos games pioneiros no popular gênero de disparos em primeira pessoa, ou FPS.

O game combina ação frenética com a competência em rodar em diferentes sistemas operacionais. O sucesso foi tamanho, que 21 anos depois de sua estreia, um novo mapa foi lançado. E com o passar dos anos, Doom foi alvo de centenas de mods, com desenvolvedores se valendo de absurdos para tentar executar o jogo em todos os tipos de dispositivos.

Por causa de sua enorme capacidade de se adaptar com facilidade a qualquer sistema, Doom rodou em coisas que você mal pode acreditar. E esse post mostra os objetos mais absurdos que rodaram esse jogo.

 

 

A barra touch do Macbook Pro

 

Não estamos falando de instalar Doom no Mac e jogar na tela principal. O usuário instalou o jogo na barra touch do notebook. É praticamente impossível de jogar por causa da tela muito estreita. Mas funciona.

 

 

 

Uma calculadora

 

Pode ser estúpido, mas é possível. O usuário instalou o jogo na calculadora TI-Nspire, da Texas Instruments. Exceto pelo fato dos gráficos sendo exibidos em branco e preto, os menus que não aparecem e não ser possível escolher o nível de dificuldade… o resultado é perfeito.

 

 

 

Uma impressora

 

 

Alguém executou Doom em uma impressora sem fio Canon Pixma. O autor da façanha levou meses para hackear essa impressora doméstica. E a resolução da tela dessa impressora é simplesmente nefasta. Para alcançar seu objetivo, o usuário se conectou ao dispositivo via internet e modificou seu firmware para alertar sobre vários problemas de segurança na codificação da mencionada impressora.

 

 

Um caixa automático

 

Aqui, o feito nem é instalar Doom em um caixa automático gerenciado pelo Windwos, mas sim resolver o problema da jogabilidade com comandos tão limitados. Para muitos, essa é a joia da coroa nos ports de Doom.

 

 

 

Robô de cozinha

 

Sem dúvida o item mais absurdo dessa lista: Doom rodando no robô de cozinha da Lidi. O dispositivo com tela touch de 7 polegadas e conectividade WiFi é alvo de muitos hackers que tentaram instalar o jogo no dispositivo. Isso deu para a Lidi várias dores de cabeça, por conta de uma polêmica relacionada com problemas de segurança e vulnerabilidade da privacidade dos usuários.

 

[OC] Made a Thermomix clone run Doom with a friend from itrunsdoom