Início » Smartphones » POCO F3 | Primeira Opinião

POCO F3 | Primeira Opinião

Compartilhe

Eu entendi claramente, Xiaomi. Dá para entender perfeitamente a ideia do POCO F3.

Mais uma vez, temos um smartphone que se propõe a ser um dispositivo top de linha com preço competitivo. Não é a Xiaomi reinventando a roda, mas sim a repetição de uma fórmula que está funcionando muito bem para a empresa chinesa.

Porém, dá para detectar alguns importantes diferenciais que podem colocar este modelo como um possível campeão de vendas globais dentro do segmento de smartphones top de linha.

 

 

 

O que o POCO F3 tem de bom?

 

 

Um dos importantes diferenciais do POCO F3 é a presença de uma tela AMOLED FullHD+ com taxa de atualização de 120 Hz. Isso faz com que este modelo seja adequado para os usuários com claras aspirações gaming, ou para quem deseja uma maior fluidez no sistema operacional ou na execução de aplicativos pesados.

O processador Snapdragon 870 com até 8 GB de RAM LPDDR5 também contribuem para essa melhor experiência de uso. Leve em consideração também o armazenamento no padrão UFS 3.1, que ajuda na hora de impulsionar de forma natural esse desempenho e usabilidade.

 

 

O conjunto de câmeras traseiras pode ser considerado moderado por muitos, mas está de bom tamanho para a maioria dos usuários. E a câmera frontal de 20 MP pode chamar a atenção dos amantes das selfies.

É claro que o desempenho das câmeras vai depender do desempenho do software e em como a MIUI 12 vai trabalhar com este hardware. Mas aqui só estou teorizando sobre o dispositivo recém lançado.

Por fim, fique de olho na bateria de 4.500 mAh (com recarga rápida de 33W) e em como esse conjunto técnico vai trabalhar em prol da autonomia. E a presença do 5G com WiFi 6 e Bluetooth 5.1 se torna uma regra para qualquer aspirante a smartphone top de linha em 2021.

 

 

 

POCO F3: vale a pena?

 

 

Sem saber o seu preço no Brasil, o POCO F3 chama a atenção por ser um smartphone top de linha que custa menos de 400 euros lá fora.

Ainda é preciso saber qual será a conversão para o seu valor internacional (isso também acontece por lá), e como vai estar a cotação do dólar na hora de adquirir o produto por aqui.

Mas a tendência é que o preço final do POCO F3 importado não será tão abusivo quanto os seus demais concorrentes de marcas mais consagradas. Dá para imaginar que o consumidor brasileiro vai correr atrás dele com uma certa intensidade.

Tal e como fez com o novo queridinho de entrada do mercado Android, o POCO M3.

 

 

 

Preços:

 

  • POCO F3 (6/128 GB): € 339 (€ 299, oferta de lançamento)
  • POCO F3 (8/256 GB): € 399 (€ 349, oferta de lançamento)

Compartilhe