Por que os links na web são na cor azul? Press "Enter" to skip to content
Início » Internet » Por que os links na web são na cor azul?

Por que os links na web são na cor azul?

Compartilhe

Você nunca parou para pensar que qualquer link em um site é da cor azul desde o início dos tempos?

Tá, hoje em dia é possível colocar a cor que quiser. Basta editar a folha de estilo CSS do site. Mas o inconsciente coletivo e a escolha histórica da internet determinaram que a cor do link dos sites é azul.

Por que, como e quando isso aconteceu?

Pois é… o blog corporativo da Mozilla (fundação desenvolvedora do navegador web Firefox) tentou responder essa pergunta, apresentando uma série de dados bem interessantes.

 

 

 

O hiperlink não era em azul escuro

 

 

O hiperlink nasceu antes mesmo da World Wide Web. Ele apareceu pela primeira vez no Projeto Xanadu em 1964, mas antes da WWW, não passou de um conceito teórico.

No começo, o hperlink era azul CIANO, e não o azul que usamos hoje. Ele deu as caras primeiro no software de publicação HyperTIES para DOS. No Windows 1.0, a ferramenta evoluiu para receber o sublinhado que persiste até hoje.

Quando Tim Berners-Lee começou a trabalhar no seu projeto de World Wide Web, o seu navegador WorldWideWeb (sim… esse é o nome do software, e seu nome é escrito dessa forma, tudo junto) apresentava os hiperlinks com sublinhado e em branco e preto, no código hexadecimal #0000FF.

 

 

 

Tudo mudou com a Apple e a Microsoft

 

 

O azul chegou no hiperlink na década de 1990, pelas mãos de Apple e Microsoft.

O software HyperCard da Apple contava com links em azul escuro quando se clicavam neles (mas mantendo o preto como link padrão), e o Windows 3.1 de 1992 fazia o mesmo com os ícones, ajudando a normalizar o azul nos elementos interativos da interface do sistema operacional.

Um ano depois, com a chegada do Mosaic 0.13, a mudança foi concluída, já que este foi o primeiro navegador web a usar os hiperlinks azuis com sublinhado contínuo para os links não visitados, e a cor púrpura com sublinhado não contínuo para links visitados.

Em 1994, os navegadores Cello e o recém nascido Nestcape Navigator adotaram o mesmo padrão estabelecido pelo Mosaic, e o Internet Explorer fez o mesmo quando nasceu em 1995.

 

 

Vale lembrar que a W3C não estabeleceu o padrão de links em azul, uma vez que a entidade só nasceu em 1994, e essa cor foi escolhida por causa do contraste produzido em relação ao preto e branco antes adotado.

Ao que tudo indica, os desenvolvedores do Mosaic lideraram uma tendência que nasceu em modo offline, pelas mãos de Apple e Microsoft. E essa é a versão mais aceita para a integração dos links em azul nos navegadores web.


Compartilhe