Nesse exato momento, o mundo só fala de duas coisas: a grande batalha de Game of Thrones (que muita gente não viu porque estava muito escuro) e Vingadores: Ultimato, um filme que já está na história por quebrar vários recordes de bilheteria, e entregar um dos melhores filmes da história. E isso não é exagero da minha parte.

As pessoas estão alucinadas com esse filme, e como animais vorazes, buscam todo e qualquer tipo de informação ou curiosidade que envolve o filme da Marvel Studios. E algumas dessas curiosidades são inusitadas, porém, relacionadas com o mundo da tecnologia de alguma forma.

Uma das curiosidades que decidiram compilar sobre o filme é o número de smartphones Android que aparecem em 3 horas de filme. Sim, isso aconteceu, mas não foram nem tantos dispositivos que apareceram. Na verdade, apenas dois telefones com o sistema operacional da Google deram as caras em Vingadores: Ultimato. E, ainda assim, apenas um deles conta com uma participação mais destacada no longa.

E não se preocupe. Eu não vou dar spoilers do filme. Porque eu respeito a sua experiência.

O primeiro smartphone que aparece em Vingadores: Ultimato é um Google Pixel 3, quando algumas pessoas pedem para um personagem em específico para registrar uma selfie. Também está presente no longa uma aparição fugaz do Galaxy S8, em uma cena que acontece aproximadamente cinco minutos depois do Pixel 3, em uma aparição que dura apenas um segundo.

É bem provável que a presença do Pixel 3 foi um acordo publicitário com a Google. Reforço essa teoria com o easter egg recente incluído na ferramenta de busca da empresa, com os resultados desaparecendo com o estalo da Manopla do Infinito de Thanos. Já a presença do Galaxy S8 pode ser apenas uma mera coincidência. Porém, se a Samsung decide pegar esse um segundo para lucrar em cima do hype do produto, pode ganhar uma eventual ação de direitos de imagem e propriedade intelectual.

Por último, não devemos nos esquecer que a OPPO lançou recentemente uma edição limitada do R11 Pro inspirada nos Vingadores.