celuar-flip

Os que são jovens a mais tempo se lembram bem como era ter um celular. Fazer ligações, enviar mensagens e até, quem sabe, navegar pela internet. E nada mais. Vários formatos e cores foram adotados, até que o iPhone chegou e estabeleceu um novo padrão.

Hoje, telas touch com um botão físico, virtual ou háptico na parte inferior são a regra. Mas os telefones de flip ou clamshell resistiram à essa tendência de design. Mas hoje são bem escassos no mercado.

É possível adquirir hoje um feature phone nesse formato, mas para quem quer um smartphone com essa estética, é algo quase impossível.

Quase.

Nesse post, mostramos quatro opções disponíveis no mercado nesse momento.

 

Samsung Galaxy Folder 2

 

samsung-galaxy-folder-2

 

Foi o último a chegar, mas pelo menos não recebeu as baterias do Galaxy Note 7 #bullying.

É um modelo de entrada, mas isso pouco importa para os fãs do formato: telas reduzidas, memória limitada e outros detalhes físicos… o ideal para quem busca apps um pouco mais avançados, mas nada que exija 5.5 polegadas ou mais.

Recebeo o sistema operacional Android, processador Snapdragon 425 com 2 GB de RAM, 16 GB de armazenamento, 8 MP de câmera e tela de apenas 3.8 polegadas. Para o mercado chinês, pode ser o suficiente.

 

LG Wine Smart

 

lg-wine-smart

 

Mais um que não deve sair do mercado asiático, e mais um modelo de entrada que aposta exclusivamente na estética e formato flip.

O LG Wine Smart tem como características alternar o seu uso entre teclado físico e tela touch, algo que não favorece muito a experiência de uso, mas que cobre as necessidades básicas em um telefone: mensagens, e-mails, chamadas, navegação por internet e alguns jogos, sempre sem ser muito agressivos.

Levando em conta que o modelo custa menos de 200 euros, pode ser a opção de muitos que não buscam nada além disso, mas… será que vale o sacrifício apenas pelo design?

Gionee W909

 

gionee-w909

 

Este é o segundo modelo mais potente do mercado com flip, e não é de uma marca muito conhecida. Mas a Gionee já tem algum tempo oferecendo modelos bem interessantes, como sua linha Elite.

Agora, o Gionee W909 chega ao mercado, com uma configuração de receber um processador Helio P10, tela touch externa de 4.2 polegadas e um teclado físico interno.

O modelo pode ser encontrado em lojas especializadas em smartphones chineses.

Samsung W2016

 

samsung-w2016

 

Por fim, uma raridade da Samsung.

Não tanto por ser um smartphone com flip mas sim pela sua inusitada potência e preço. O Samsung W2016 é um autêntico top de linha, recebendo o mesmo processador do Galaxy S6, 3 GB de RAM e 64 GB de armazenamento. Seu preço? 1.500 euros.

Não dá pra saber o quanto que a Samsung vendeu desse modelo na China, único país onde ele se encontra disponível. Mas não resta dúvidas que o modelo está supervalorizado, com uma tela Super AMOLED (HD). Mas atende às necessidades dos mais extravagantes.

Aos poucos, os fabricantes foram abandonando o formato flip, pois os próprios usuários foram optando por outras alternativas. Agora, algumas marcas voltam a adotar o formato, mas são muito poucas. Seja por moda ou por um simples ato de protesto diante do atual design.