xperia xz2

Finalmente! Adeus, Omni Balance!

A Sony decidiu mudar o design dos seus dispositivos, com os novos Xperia XZ2 e Xperia XZ2 Compact, apresentados na Mobile World Congress 2018. Muito se falava sobre essa mudança, e ela aconteceu, entregando smartphones mais estilosos e alinhados com a realidade de mercado.

Não falo tanto por uma questão de beleza, porque eu entendo que não era bem esse o problema. Eu achava os antigos modelos da linha Xperia bonitos, com um design de identidade própria. Porém, estavam com a mesma cara há muito tempo, e isso estava frustrando os entusiastas de tecnologia mais exigentes.

 

 

Agora, os novos Xperia XZ2 e XZ Compact recebem linhas mais curvas e estilosas, deixando o dispositivo com um agarre mais agradável e uma estética que agrada mais aos olhos. Ponto para a Sony nesse aspecto.

Outro gol de placa dos novos dispositivos é a ideia de oferecer as mesmas configurações nos dois modelos. Normalmente os fabricantes adotam o conceito de ‘Mini’ como modelos com tamanho menor e especificações técnicas inferiores ao modelo maior.

Já a Sony não quer miséria, e entrega as mesmas configurações nos dois modelos. A única diferença existe onde essa diferença precisa ser relevante: no tamanho da tela, que influencia diretamente nas dimensões do produto.

 

 

Talvez alguns usuários podem questionar a decisão da Sony em manter um único sensor fotográfico na parte traseira. Mas não devemos nos esquecer que os novos Xperia XZ2 e XZ2 Compact receberam uma câmera de 19 MP, com tecnologia Bionz da Sony, desenvolvida em parceria com a Qualcomm.

Logo, podemos esperar por coisas muito boas nesse aspecto também. A Sony sempre se destacou pela qualidade de suas câmeras, e pode marcar um diferencial que eventualmente pode ajudar na hora de promover o produto.

 

 

Posso dizer que gostei dos novos Xperia XZ2 e XZ2 Compact. O único grande problema que tenho com a Sony está no preço que eles cobram por seus dispositivos. Os japoneses ainda pensam que são a Apple, e cobram por seus produtos preços de dispositivos da Apple. Mas não é assim que a banda toca.

Mesmo assim, são modelos que aparentemente entregam mais acertos do que erros. Vamos ver se na prática eles cumprem o que prometem.