Tag Archives: cópia

Pra criticar, tem que testar. Não é mesmo, Jony Ive?

by

650_1000_ive-1

Não entendo como o mundo da tecnologia consegue ser tão barraqueiro como o mundo das celebridades. Explico: Jony Ive, o ‘guru’ do design da Apple, se pronunciou nesse final de semana em um evento que o que a Xiaomi fazia não era uma homenagem, e sim, um roubo (em relação ao design dos seus produtos, principalmente sobre a interface de usuário adotada pelos asiáticos. Bin Li, um dos diretores da Mi (ou Xiaomi), respondeu dizendo que presenteará Ive com um dos seus smartphones, para que ele ‘fale com propriedade’ sobre o assunto.

A indireta de Bin para Ive vale para todos nós. E não só no mundo da tecnologia. Para qualquer coisa. Antes de sair opinando por aí sobre os diversos produtos, serviços, temas, pessoas e derivados, é altamente recomendado ter o mínimo de conhecimento sobre o assunto, para não cair no ridículo. Não que isso tenha acontecido com Ive, mas justamente para evitar que alguém lance uma frase como essa.

Mas falando especificamente da briga Apple vs Xiaomi que começa a surgir, o executivo da fabricante asiática vai além da simples cutucada. Bin levanta a bola para o fato que qualquer grande fabricante de tecnologia já ‘pegou emprestado’ alguma coisa de outro fabricante.

Inclusive a Apple.

O que é verdade.

No mundo da tecnologia, a linha entre a ‘homenagem’, a ‘referência’ e a ‘cópia’ é muito tênue e subjetiva, e pode mudar a sua distância de acordo com os olhos de quem vê. Está muito difícil determinar onde começa um e termina outro, ainda mais em um universo onde o conceito geral de produtos é muito similar. No caso dos fabricantes com dispositivos Android, o ponto onde os fabricantes mais procuram deixar a sua assinatura é no design de sua interface de uso. E aí as referências vindas de outros sistemas acabam aparecendo.

Ok, vamos combinar que a Xiaomi também força a barra. Alguns elementos visuais presentes na sua interface de usuário são praticamente os mesmos presentes nos smartphones da Apple, e isso tem uma razão de ser: atrair o consumidor. Não pode ser por outra coisa. Por outro lado, a Apple reclama justamente da Xiaomi por ser esta a marca que mais está em expansão no mercado asiático. A gente sabe como a Apple costuma perseguir de forma ostensiva não só quem copia os seus produtos, mas principalmente quem faz isso e está na sua frente (abraço, Samsung), de modo que não será surpresa ver mais uma batalha legal envolvendo as duas empresas em um futuro não muito distante.

Por outro lado… a Apple deveria ‘se conformar’ com isso. Todo mundo copia todo mundo, e a declaração de Ive dá a entender que é praticamente um insulto que as pessoas copiem as propostas da Apple.

Engraçado que o ‘reformulado’ iOS 7 veio com um monto de soluções copiadas do Android e do Windows Phone, e ninguém falou nada.

Conveniente, não?

Gadget Fake: um Nokia Lumia 1020 com um “áudio de 41 megaplxel”

by

xkirf-nokia-lumia-1020.jpg.pagespeed.ic.P26vnbZnIW

Se vai copiar, copia direito. O Nokia Lumia 1020 tem tão alta qualidade, e design tão atraente, que já era de se esperar que os chineses clonariam o produto mais cedo ou mais tarde.

Essa tentativa de Lumia 1020 que você vê no post tem similaridades nas cores e nas curvas, mas além de contar com o sistema operacional Android, possui uma câmera de 2 megapixels, e o especial número 41 se refere aqui ao “Xpress Music”, com a palavra “megaplxel” (não me pergunte o que isso significa).

Para os mais curiosos, esse lumia falso custa apenas US$ 69. Mas… sério: não vale a pena a busca pelo seu importador.

Aunque algunas veces solemos ver copias de cierta calidad, en esta ocasión se nos hace difícil recomendar un móvil con semejantes características. En todo caso, si quieres una nueva pieza para tu museo privado de gadgets piratas, puedes adquirir este raro espécimen y ubicarlo en la sección de “curiosas monstruosidades” por tan sólo 69 dólares.

xkirf-nokia-lumia-1020-2.jpg.pagespeed.ic.LJFkJ8xP8S

Via NokiaViews

A Apple não copia ninguém? Não é o que a Swiss Federal Railways diz sobre os seus relógios…

by

A Apple é famosa por acusar a Samsung por “copiar descaradamente” o design do iPhone, mas é sempre bom lembrar que, de santa, ela não tem nada. Apesar de “alguns veículos especializados em mundo Apple” afirmarem de forma categórica que o que a empresa de Cupertino faz “não é cópia, é apenas referência”, eu e o pessoal da Swiss Federal Railways não concordamos com isso.

Os suíços são famosos pelos seus relógios, e possuem alguns dos relógios mais icônicos do mundo. E o pessoal do sistema ferroviário federal da Suíça não gostou da Apple ter COPIADO DESCARADAMENTE o design dos seus relógios no aplicativo de relógio do iPad. E vai processar a Apple por isso.

Se você colocar os relógios lado a lado, você não vai ter dúvidas que “não foi uma referência”. Os relógios são simplesmente idênticos, exceto pelo logo suíço. Tá na dúvida? Então, veja outra imagem abaixo para notar a similaridade entre os dois designs.

Caraca, Apple… nem pra disfarçar? Até o ponteiro dos segundos é o mesmo!

O relógio suíço acima foi originalmente desenvolvido por Hans Hilfinker, e é um ícone do sistema ferroviário da Suíça, e do próprio país em si. O design do relógio está devidamente registrado pela Swiss Federal Railways, e até oferece a licença desse design para outras empresas. Acontece que a Apple não pediu licença nenhuma para eles fazerem essa cópia.

Resumindo: vê lá se a Apple tem moral para processar alguém! A suja falando da mal lavada! E ainda quer tirar produtos dos outros do mercado, só porque não é capaz de fazer melhor?

Apple, a empresa do “faz me rir”. Até na hora de “usar como referência”. #FAIL, Tim Cook. E dos grandes.

Aliás, falando nisso… Aí, Apple, já resolveu consertar aquela porcaria de Mapas lançado nessa semana? Ou vai pedir arrego para a Microsoft? Ou melhor: pedir misericórdia para o Google?

Via MacRumors, UberGizmo, SlashGear

E aquela históra da “Android Store” da China, que de tão falsa, vende produtos originais da Apple?

by

Uma das notícias mais pitorescas da semana foi a descoberta dessa “Android Store” na China, mais precisamente na cidade de Zhuhai. Obviamente, a loja não é real, mas isso não vem ao caso. A loja que, na teoria, deveria comercializar produtos dedicados ao sistema operacional do Google, foi um passo além na sua “variedade de produtos”, colocando logo na frente da loja uma plaquinha, informando que tem “iPhones em promoção”. Não contente com isso, o dono do estabelecimento coloca uma reluzente maçã mordida, que é a logomarca da Apple, e possui uma grande seção dedicada à empresa de Cupertino, vendendo iPhones e iPads de forma indiscriminada, e sem nenhum pudor.

É tão bizarro que chega a ser genial!

É, China… tem coisas que só você pode fazer por nós…

Via PhoneArena

Parece, mas não é: o YDPG18 da Yinlip NÃO é um PS Vita

by

A primeira vista, ele engana, pois parece mesmo um PSP ou PS Vita. Mas, dando uma segunda olhada, mesmo sendo muito bem intencionado, o YDPG18, da fabricante chinesa Yinlip, é um típico “gadget fake”. O produto conta com sistema Android 2.3, tela de 5 polegadas, 512 MB de RAM, processador de 1.2 GHz, conectividade WiFi e porta HDMI.

O produto é capaz de rodar emuladores de NES, SNES, N64 e PSX, oferecendo várias horas de diversão. Como você pode ver, apesar de ser falso, não é tão ruim assim. Não há informações sobre preços ou disponibilidade, mas vale a pena você ligar para o seu amigo na China e especular os custos para ter um desses.

via Kotaku