Tag Archives: hp slate 7

HP is Back! (no mercado de smartphones)

by

hp-slate-6

Não é uma questão de ser fã dessa ou daquela marca. Aliás, eu já disse mais de uma vez: eu sou bem promíscuo em termos marcas. Tenho produtos das principais marcas, utilizo mais de um sistema operacional, e de um modo geral, torço pelo sucesso de todas. Incluindo o sucesso da HP, que vai voltar ao mercado de smartphones.

Esse movimento era ensaiado. O HP Slate 7 (o tablet… e agora temos que fazer essa diferenciação) era uma espécie de “primeiro ensaio”. Não que o produto fosse espetacular, mas chamou a minha atenção por ser um modelo de entrada que pelo menos entregava ao consumidor final uma maior qualidade, e isso sempre ganha pontos comigo.

Agora, a HP anuncia (de forma extra-oficial, pois a informação veio de um alto executivo da empresa lá fora) que eles voltarão a oferecer no mercado smartphones. Na verdade, dois phablets (HP Slate 6, e HP Slate 7 – aqui, o smartphone… apesar de considerar 7 polegadas um tablet mesmo), que serão lançados na Índia, como um “segundo teste”. Os modelos serão formalmente anunciados na MWC 2014 em Barcelona, e se vingarem por lá, serão distribuídos internacionalmente.

hp_slate6

O movimento da HP é bem claro: buscar alternativas mais lucrativas no mercado de tecnologia. Não é segredo para ninguém que o mercado de PCs tradicionais (e aqui entram no mesmo grupo desktops, notbeooks, netbooks, ultrabooks e derivados) segue em queda livre nas suas vendas, e os fabricantes precisam encontrar outras vertentes de mercado para sobreviverem. De hardware, a HP entende. Logo, o que precisou fazer foi mudar o seu foco de mercado.

Na minha opinião, quanto maior a concorrência, melhor. A HP quer seduzir o coração dos mercados emergentes, e principalmente, dos clientes da Samsung e da Nokia. Oferecer phablets em mercados onde esses modelos registram um volume de vendas cada vez maior a cada trimestre é uma estratégia sábia. Resta saber se ter a marca HP será o suficiente.

Mas vejo a escolha deles de forma positiva. Sou contra o monopólio em qualquer segmento, e a competição aberta precisa acontecer. Não podemos dizer que a HP não está ao menos tentando mudar alguma coisa em um mercado que, mesmo com muitos analistas afirmando que está em ponto de saturação, encontrou uma vertente que reinventa o segmento mobile.

Não digo que isso vai acontecer com você, mas ao longo de 2014, muita gente ficará com o bolso da calça estufado com os novos tabletphones. Ou phablets. Ou smartphones de Itú, como preferir.

Para mais informações, clique aqui.

Compreenda: cada produto tem o seu público específico

by

hp-slate-7

Eu ainda estou testando o HP Slate 7. Um tablet que muita gente esperava muito, por ser um produto da HP. Muitos imaginavam que a HP iria colocar no mercado um produto para bater de frente com o Nexus 7 ou o Kindle Fire, que são ótimos tablets com preços competitivos. Porém, a HP ofereceu um produto de baixo custo (US$ 139, ou R$ 599 no Brasil), com algumas limitações, mas que satisfazem ao mercado dos usuários de entrada, ou que buscam um produto de baixo custo.

“Por que isso acontece?”, alguns perguntam. Porque ainda se faz necessário.

Ao testar o produto, eu compreendi que a proposta da HP foi oferecer um produto um pouco acima da média do que os dispositivos oferecidos nessa faixa de preço (ou um pouco menos), que já são naturalmente mais baratos que o Nexus 7 (que, por sinal, não existe no Brasil), sem ser um produto considerado “xing-ling”. E, convenhamos, não é todo mundo que tem bala na agulha para comprar o iPad mini, mesmo ele sendo um produto relativamente acessível.

Eu já escrevi o texto do review, e posso adiantar ao menos uma coisa: se, hoje, nesse momento (18/11/2013, 11h28), eu precisasse comprar um tablet de baixo custo, esse tablet seria o HP Slate 7. Outros modelos de entrada, com as mesmas características, não oferecem os mesmos benefícios que esse modelo, o que me leva a crer que o trabalho da HP com o Slate 7 foi bem sucedido, levando em consideração o tipo de tablet analisado.

É importante sempre ter em mente que nem todo produto pode ser considerado “bom, bonito e barato”. É claro que eu ainda sonho em ver algum fabricante tendo a coragem de enfiar o pé na porta, oferecendo um produto com especificações técnicas tentadoras e preço competitivo (algo mais ou menos próximo com o que a Motorola fez com o lançamento do Moto G), mas também compreendo que tais nichos de mercado são necessários, mesmo que seja para iniciar um grupo de consumidores que não podem gastar muito com um dispositivo no mundo da tecnologia.

Entendo também que esse cenário vai mudar com a maturidade desse mercado. Os smartphones são produtos de tecnologia de consumo a, pelo menos, 15 anos. Os tablets ainda são produtos relativamente recentes (não contam com 10 anos de mercado), e já evoluíram de forma assustadora na sua concepção e utilização de materiais de alta qualidade… com um preço razoável.

A cada ano, vemos produtos melhores, com preços melhores. É claro que pode ficar melhor. Mas se pensarmos que só passaram seis anos desde o início efetivo do mercado de tablets, podemos dizer que essa categoria de produto foi a que mais rápido avançou na sua relação custo/benefício.

A comunidade agradece.

Bancada de Testes | HP Slate 7

by

DSC01097

Os produtos para testes não param de chegar. Isso mostra que o final do ano para o TargetHD será movimentado. Dessa vez, recebi da assessoria de imprensa da HP Brasil o HP Slate 7, que aparece como uma das opções de tablets de baixo custo para o mercado brasileiro. Pois bem, passo aqui as minhas primeiras impressões, depois de 24 horas de uso do produto.

DSC01117

Normalmente eu não mostro muito a embalagem do produto nesse segmento, mas nesse caso, preciso fazer uma exceção. Olha o cuidado que a HP empregou na embalagem do HP Slate 7. Sério, faz toda a diferença receber um produto desse jeito, e é um dos pontos onde o modelo larga na frente em relação à concorrência na sua faixa de preço.

DSC01119

O produto e seus acessórios vieram muito bem acondicionados. O tablet veio em um pequeno envelope de tecido, que protege o material de eventuais pancadas e arranhões em virtude do transporte. Nada de plásticos ou outros materiais. Algo de primeira qualidade. Os cabos e adaptadores de energia devidamente protegidos em uma área específica, dedicada para essa finalidade. Pode não parecer algo tão interessante assim, mas para quem vive comprando e revendendo produtos, já serve para enviar o produto em uma embalagem de respeito.

DSC01102

Outro ponto positivo do HP Slate 7 em relação aos seus concorrentes diretos de preço é o seu acabamento. A HP decidiu empregar materiais de maior qualidade na construção do tablet, o que passa uma sensação prazerosa de maior segurança no produto.

DSC01111

Isso fica ainda mais claro na parte traseira do produto, que é composta por um plástico levemente emborrachado, passando uma sensação de segurança ao segurar o produto. Outro detalhe interessante é o seu slot para cartões microSD ficar em uma área acessível para o usuário, facilitando a sua troca.

DSC01112

A tecnologia BeatsAudio está presente, mas por enquanto, ela ainda não fez uma grande diferença nos testes. Nos poucos momentos que testei o produto, percebi que a qualidade do áudio ficou abaixo do que o esperado, e as opções onde a tecnologia da Beats se faz presente atuam mais quando o tablet é utilizado com os fones de ouvido, com ajustes específicos para diferentes tipos de fones. Esperava algo mais efetivo nesse sentido, com uma experiência mais apurada para quem quer utilizar o tablet sem os fones.

DSC01101

Sobre o seu desempenho, ele está dentro do esperado para um tablet na sua proposta. O Android 4.1.1 Jelly Bean presente no dispositivo roda bem, sem maiores problemas ou engasgos, mas não possui uma performance tão limpa quanto em produtos com especificações mais poderosas (como por exemplo o Nexus 7). Nos testes para o review, medirei o seu potencial de forma mais ampla e irrestrita. Inclusive dei um esboço de como ele desempenha em jogos, com uma pequena amostra do Real Racing 3, registrada em vídeo.

Enfim, minhas primeiras impressões sobre o HP Slate 7 são positivas, levando em conta a categoria de produto que estamos avaliando. O review completo do produto você verá em alguns dias lá no TargetHD.net.

Vídeo de primeiras impressões a seguir.