@oEduardoMoreira

Pessoal e Intransferível

Tag Archives: japão

LEDs ultrafinos transformam sua pele em uma “tela”

by

Super-thin digital display turns your skin into a screen

Pesquisadores da Universidade de Tóquio (Japão) desenvolveram um sistema de LEDs ultrafinos que quase conseguem se fundir com a pela humana, com uma espessura de apenas 3 micrômetros. Visualmente, é menos impressionante do que é na realidade por conta do filme que vai por cima da pele, segurando o sensor. Mesmo assim…

Seu design é bem flexível, e pode ser utilizado enquanto nos movimentamos, e na teoria não deve se romper com facilidade, exceto em casos extremos. Um detalhe importante, levando em conta a área que será colocado e o uso que pode receber se for comercializado algum dia.

Este é um avanço importante, mas há outras inovações que devem ser levadas em consideração, como por exemplo a maior duração desses LEDs em relação aos modelos anteriores (pode chegar a vários dias), assim como um menor consumo de energia. O produto pode ser conectado a sensores para (por exemplo) visualizar o pulso e o nível de oxigênio do sangue, e em modelos mais complexos podem aumentar e muito o seu potencial, explorando outras opções.

Não há qualquer tipo de previsão para o conceito chegar ao mercado. Por enquanto, temos que nos contentar com um vídeo demonstrativo desses LEDs em ação.

 

Via NewScientist

Choopers: a que ponto chegamos?

by

chooper-mas-alta-del-mundo

Todo excesso é problemático. Não falo só de drogas, de horas ouvindo a Banda Molejo, ou de afirmar que Leandro Gabirú é um craque do futebol porque marcou o gol do título do Internacional na final do Mundial de Clubes contra o Barcelona. Se você está agindo em excesso nessa vida, meu amigo, o conselho que eu te dou é: “pare… você está fazendo isso errado”.

Porém, como conselho se fosse bom, venderia-se em caixa de 500g (e não se distribuiria gratuitamente em um blog fulera), você não vai me ouvir. Você vai fazer exatamente o contrário: mostrar ao mundo que você entende mesmo dos exageros, e vai explorar os limites disso. Mas nada de fazer coisas que outros já tentaram, como colocar uma melancia na cabeça, sair pelado ou ser nomeado ministro da noite para o dia. Não… você vai usar a sua moto para aparecer. Vai além: vai colocá-la no mundo das choopers.

Sim… nada melhor do que enfiar os dois pés na jaca. Sim, pois é difícil decifrar o tipo de patologia que sofrem os amantes das choopers nos seus modos mais extremos. Essa história de querer tocar o céu com o guidão da moto é algo difícil de se compreender. Até porque não faz o menor sentido: o que vai tocar o céu nem é o seu acelerador, mas sim um pedaço de metal que bate no semáforo.

De qualquer forma, esse post só existe porque o japonês orgulhoso do vídeo abaixo parece ter conseguido o recorde de moto chooper mais alta do mundo. “Parabéns”, meu amigo.

 

Via Likecool

Garfo elétrico que dá choque na língua para adicionar sabor dispensando o uso do sal

by

fork-2

Nem toda a tecnologia do Universo explica essa ideia. Mais uma vez patrocinada pelos japoneses.

A Universidade de Tóquio, em parceria com o pesquisador Hiromi Nakamura do Laboratório Rekimoto criou um garfo que dá choques na língua do comensal, com o objetivo de estimular o paladar, dispensando assim o uso do sal para essa missão. Ou seja, você pode escolher se vale a pena ter uma pressão alta ou se é melhor você levar um pequeno susto quando for colocar um pedaço de carne na boca.

Aliás, um produto como esse também pode ser usado como ferramenta de persuasão de vegetarianos mais radicais, que tentam induzir os filhos na ideia tola de que carne faz mal. Tudo bem, estou exagerando. Mas esse é apenas um exemplo sobre como pode ser perigoso um item como esse se utilizado por mãos erradas.

fork-3

De qualquer forma, o protótipo se vale da teoria de que, para realçar o sabor, o sal atua como estimulante das papilas gustativas, algo que pequenas doses de eletricidade na língua podem atuar com a mesma eficiência. O conceito é pensado nas pessoas que sofrem de hipertensão, e precisam passar por uma dieta livre de sal.

Eu sei bem como a vida das pessoas desse grupo é sofrida. Minha mãe sofre de hipertensão há quase 40 anos, e não come nada de sal desde que eu nasci. Só não sei se ela ficaria contente em tomar pequenos choques na língua apenas para que a alface tenha mais gosto de alface. Sinceramente…

fork-1

Vamos ser bem sinceros. Olha para a cara dessa pessoa da foto acima.

Quer me dizer que ela está feliz com o almoço dela temperado a choques elétricos?

Eu acho que não.

 

Via NikkeiBP

Robô J-Pop quer te ajudar a dançar

by

O J-Pop é um robô especialmente desenvolvido para que ele seja personalizado para a rotina de dança que você quiser.

A ideia nasceu da empresa DMM, que desenvolveu um pequeno humanoide cujo software permite ao usuário criar a sua própria rotina de dança para que o robô a execute. A empresa facilitou o acesso aos padrões de roupa e partes do corpo imprimíveis em 3D, onde cada dono pode customizar o produto do seu jeito.

O robô custa em torno de US$ 1.150. Mas, veja bem: você tem o seu treinador pessoal. Vale o quando pesa, certo?

 

Via Engadget

Neko Pochi Anti-Cat Keyboard Cover

by

neko-pochi-anti-cat-protection-keyboard-cover-1

Se os seus gatos mandam na sua casa, e isso inclui o seu ambiente de trabalho, inclusive o seu computador ou notebook, você precisa de um acessório como esse. O Neko Pochi Anti-Cat Keyboard Cover é uma capa de plástico transparente, que pode suportar gatos de até 10 kg de peso, permitindo que o felino visite o teclado do seu computador, mas sem essa visita resultar em sucesso no quesito produtividade.

O acessório cobre a maioria dos teclados padrão, e vem nas cores amarelo, azul e transparente. E, mesmo que você não tenha um gato em casa, o Neko Pochi Anti-Cat Keyboard Cover pode ser utilizado para apoiar o seu smartphone ou tablet, para que você possa visualizar as notificações com praticidade.

neko-pochi-anti-cat-protection-keyboard-cover-3

O único problema desse produto é o preço de US$ 74. É importado do Japão, e isso pode explicar o caro valor. Mesmo assim, é mais fácil você deixar o seu gato estragar o seu trabalho escolar, ou o relatório do seu escritório.

neko-pochi-anti-cat-protection-keyboard-cover-4 neko-pochi-anti-cat-protection-keyboard-cover-2

Via

No Japão, está proibido silenciar a câmera do smartphone

by

japan

O Japão decidiu tomar medidas para reduzir o número de fotos sem permissão que se registram de mulheres a partir de perspectivas que buscam visualizar as suas partes íntimas. Para isso, eles não estão permitindo que os usuários silenciem a câmera do smartphone.

Ou seja, todos os smartphones comercializados no Japão chegam de fábrica com essa limitação, de modo que se alguém tenta usar o dispositivo para fazer uma foto que viole a intimidade de uma pessoa não poderá evitar o som característico que alertará a vítima da conduta inconveniente.

A medida tem um objetivo claro e muito louvável, mas também prejudica os usuários normais, já que existem numerosas situações cotidianas onde o som da captura de imagem pode ser algo irritante para eles e para aqueles que o rodeiam.

Por outro lado, também é algo que pode ser contornado, já que no caso dos smartphones Android o root do dispositivo e a instalação de uma ROM personalizada já servem para restaurar a opção de silenciar a câmera.

Lamentável essa história de fotos íntimas no Japão, mas provavelmente seria mais efetivo realizar uma reforma legal que torne mais rígidas as penas aplicadas para esse tipo de conduta.

Via Softpedia

Foto: Jeffrey Friedl