Compartilhe

O diretor Taika Waititi ficou mais conhecido do grande público depois que ganhou um Oscar pelo roteiro do seu excelente filme Jojo Rabbit, que fala sobre a Segunda Guerra Mundial de uma maneira que raramente vemos no cinema: a partir da perspectiva dos nazistas, com um discurso crítico e bem humorado, idiotizando essa filosofia patética e transformando Hitler em um idiota.

Porém, Taika está nos nossos corações porque ele é o diretor de Thor: Ragnarok, filme ousado e corajoso, que conseguiu reinventar o personagem dentro do Universo Cinematográfico da Marvel.

Ao que tudo indica, quando se trata de escrever e trabalhar, Waititi tem preferências por determinadas marcas de produtos de tecnologia. Ao menos foi isso que ele deixou implícito depois de ganhar o Oscar.

 

 

 

Ele teve um problema com o péssimo teclado do Mac

 

 

Taika Waititi levou o Oscar de melhor roteiro adaptado por Jojo Rabbit. Depois de receber a estatueta, ele foi para a tradicional coletiva de imprensa, e é natural que as perguntas envolvessem o processo de criação e desenvolvimento dos roteiros.

Mas parece que nem tudo foi flores para Waititi escrever o roteiro de Jojo Rabbit…

“A Apple precisa consertar esses teclados. É impossível digitar com eles. Esses teclados pioraram. Isso me faz querer voltar para os PCs. Isso porque a forma como as teclas do PC voltam para os seus dedos é muito melhor. Levante a mão quem ainda usa um PC… você sabe do que estou falando. É um teclado top. Esses teclados da Apple são horríveis.”

 

Waititi não ficou apenas na reclamação. Em tom de piada, ele reclamou de um problema no ombro e que, por causa disso, achou difícil colocar os braços muito juntos para digitar nos teclados da Apple.

 

 

Essa história é apenas uma amostra de algumas coisas que Taika Waititi teve que passar para a produção do roteiro de Jojo Rabbit, e que provavelmente esse foi um problema que o afetou por muito tempo. Sem falar que este pode ser um importante sinal de alerta sobre as demais pessoas ao redor do mundo que estão sofrendo de OOS (Síndrome do Uso Ocupacional) e não perceberam que digitar no Mac por várias horas pode ser uma forma de deixar o problema ainda pior.

Certamente este é um problema que muito poucas pessoas haviam levantado, mas que com certeza chamou a atenção dos executivos da Apple, e como nenhuma publicidade é má publicidade, certamente a Apple fará algo sobre o assunto. Afinal, ter a marca e o Mac mencionado durante o Oscar 2020 já é uma grande coisa.


Compartilhe