A última Blockbuster do planeta fica em Bend, Oregon, e resiste a morrer a ponto de ser considerada uma relíquia histórica. Muita gente está visitando a cidade apenas por causa da loja, que agora quer capitalizar ainda mais pelo fato de ser uma raridade vendendo a cerveja The Last Blockbuster.

Temos aqui uma cerveja preta que pode ser degustada enquanto você assiste um filme alugado. A bebida foi criada em parceria com a cervejaria 10 Barrel Brewing Co., e será distribuída em pelo menos seis dos seus bares (dois na cidade de Bend). As vendas começam em 21 de setembro.

A cerveja The Last Blockbuster combina perfeitamente com pipocas amanteigadas ou chocolate, oferecendo toques de nostalgia. Ou seja, é perfeita para quem viveu os bons tempos de ir na Blockbuster para alugar filmes.

 

 

Eu sou um daqueles que viveram esse tempo, mesmo que de forma breve. Durante o período que estive em São Paulo (SP), eu achava o máximo ir até a Blockbuster e ficar algum tempo escolhendo entre a diversas opções dentro do seu acervo. Na época (final dos anos 90, começo dos anos 2000), o DVD estava em alta, pouco se falava em Blu-ray e jamais poderia imaginar que a internet seria utilizada para o consumo de conteúdo de entretenimento a ponto de matar as mídias físicas.

Quero dizer… eu não via a possibilidade disso acontecer no caso dos filmes. Na música, o Napster já indicava que o caminho seria este. E apenas cinco anos depois viria o Torrent para mostrar ao mundo que era possível desmontar grandes arquivos de vídeo em pequenos pedaços para assim várias pessoas ao redor do mundo realizarem o download dos episódios de Lost.

O tempo passou, e a tecnologia acabou matando o DVD e o Blu-ray. Não uma morte em definitivo, mas a morte comercial. O streaming é o futuro, e quem pagou por isso, de forma quase implacável, foram as locadoras.

E a Blockbuster é o maior símbolo disso.