Compartilhe

Os 30 anos de The Simpsons são um dos maiores símbolos da grandiosidade que essa série de TV tem no mundo. Você até pode achar que a criação de Matt Groening ficou ultrapassada (eu mesmo não assisto com essa frequência toda), mas é inegável que esta é a maior série de animação da história da televisão.

Veja bem: eu escrevi MAIOR e não MELHOR. E existe uma diferença substancial entre os dois termos. Mas não vou discutir isso nesse post.

Um dos grandes sinais de identidade de The Simpsons é a sua capacidade em prever o futuro. O fenômeno, considerado sobrenatural para alguns usuários mais céticos, foi um dos elementos que ajudaram a transformar a série em elemento de culto para os fãs da cultura pop.

Nesse post, vamos revisar algumas das mais impressionantes previsões dos 30 anos de história de The Simpsons.

 

 

Videochamadas

No passado, as chamadas telefônicas era a única forma de comunicação à longa distância com outras pessoas. Por isso, muitos fantasiavam poder ver em tempo real outra pessoa com uma chamada. Pois bem, em um episódio de 1995, The Simpsons antecipou como seria a experiência dessa forma de comunicação futurista.

 

 

Smartwatches

No mesmo episódio citado no item anterior, o noivo de Lisa utiliza um relógio para realizar uma chamada. E mesmo que o dispositivo não se pareça tanto com os relógios inteligentes atuais, ele possui muitas funções similares. E leve em consideração que esse episódio foi exibido 19 anos antes do primeiro smartwatch chegar ao mercado.

 

 

Um ataque inesperado

Dois domadores de Las Vegas foram parodiados em The Simpsons. Eles se chamam na vida real Siegfried & Roy, e seu show com tigres de bengala é famoso no mundo todo. Em um episódio exibido em 1993, o tigre de bengala de The Simpsons atacou o personagem que parodiava Roy Horn. Dez anos depois, em 2003, o ataque aconteceu… com o mesmo tigre de bengala… atacando o mesmo Roy.

 

 

Donald Trump presidente dos Estados Unidos

Essa é uma das mais famosas previsões da série. Em um dos episódios, Lisa é presidente dos Estados Unidos, enquanto que Bart é um perdedor. Curiosamente, é feita a menção onde Donald Trump foi presidente antes que Lisa, e deixou o país à falência. O episódio em questão foi exibido em 2000, e 16 anos depois, Donald Trump se tornou presidente dos Estados Unidos.

 

 

Disney compra a Fox

Uma das coisas mais curiosas. The Simpsons, uma propriedade da Fox, apresentou uma pequena piada onde era possível ver que a Fox era uma subsidiária da Disney. Isso aconteceu em um episódio exibido em 1998, e em 2017, a Disney comprou a Fox.

 

 

O estranho caso de Don Mattingly

Quase não se fala desse caso, mas ele é muito interessante. Em um episódio exibido em 1991, os funcionários da usina nuclear de Springfield enfrentaria o time de Shelbyville em um jogo de baseball. Um dos jogadores do time de Springfield era Don Mattingly, jogador de baseball profissional na vida real.

Curiosamente, Mr. Burns não deixa Don jogar porque ele tem costeletas muito largas. O episódio foi finalizado antes que, na vida real, mandassem Don Mattingly para o banco por ter o cabelo muito longo. O episódio foi exibido pouco tempo depois disso e, dessa forma, todos pensaram que esta era uma referência aos eventos ocorridos na vida real, sem saber que esta foi uma previsão extremamente acertada.


Compartilhe