Ir ao conteúdo

Trabalhar remotamente em Barbados deve ser bem legal…

Compartilhe

O trabalho remoto avançou muito em 2020, por motivos óbvios, e muitos especialistas alertaram para isso. Mas ninguém imaginou que ia acontecer o que aconteceu neste ano. E, seja de forma voluntária ou por obrigação, muita gente está trabalhando em casa.

Então tá… por que não fazer isso de algum lugar paradisíaco?

 

 

 

Trabalhe no paraíso

 

Uma das vantagens do trabalho remoto é que você pode fazer isso do lugar que você quiser: em casa, na praia, em um jardim… e, inclusive, a partir da paradisíaca ilha de Barbados, terra da cantora Rihanna.

A ilha de Barbados começou a emitir vistos de um ano para trabalhadores em home office, o que inclui todas as vantagens implícitas, como por exemplo as paisagens e as brisas refrescantes.

Essa é uma ilha que fica nas Antilhas menores, que por dois séculos pertenceu à coroa espanhola, já que foi ali que Cristóvão Colombo desembarcou em sua primeira viagem à América. Porém, no século XVII, ela foi conquistada pelos ingleses. Sua independência aconteceu em 1966.

Barbados se encaixa perfeitamente na definição mais clássica do termo “ilha paradisíaca”. O local conta com praias de areias brancas e água cristalina, bucólicos bosques de palmeiras que dançam ao sabor do vento e temperaturas muito agradáveis durante todo o ano.

Convenhamos: quem não quer trabalhar em um lugar assim durante um ano inteiro?

 

 

 

Um plano de recuperação econômica

 

A ilha de Barbados é um paraíso do turismo, que é a sua principal fonte de receitas. Logo, não é difícil imaginar que a sua economia foi duramente impactada pela crise que afetou a todos em 2020. Logo, uma das formas de recuperar a sua economia é atraindo profissionais de diferentes setores para trabalhar.

O país começou a reabrir as suas fronteiras no último dia 12 de julho, e a prioridade nesse momento é atrair os turistas para que eles fiquem a longo prazo por lá, no lugar de fazer visitas que duram poucos dias.

Por isso, as autoridades de Barbados começaram a emitir vistos de até um ano para profissionais que vão trabalhar em trabalho remoto. A ideia é receber pessoas que contam com atividades profissionais que podem ser realizadas a partir de qualquer lugar.

Logo… por que não fazer isso a partir de uma ilha paradisíaca?

Bom, pode ter um problema nessa generosa oferta de atividade profissional em uma ilha paradisíaca: as inúmeras fontes de distração que o local oferece. Se isso não é um problema para você, conseguir um visto para Barbados pode ser uma excelente ideia.

 

 

Via Barbados Welcome


Compartilhe
Publicado emVariedadesVida de Blogueiro