Compartilhe

Caraca… é gente comendo carne de morcego, é vespa assassina, é o zezinho malvadeza da gripezinha… estão querendo ferrar com a humanidade mesmo! Parem de oferecer essas coisas que podem se transformar em desgraça para todos nós!

Vai dar merda, mais cedo ou mais tarde!

Não basta ter o Spot, o robô quadrúpede da Boston Dynamics, para atormentar os meus sonhos. Não é o suficiente ter um robô em forma de cachorro forte e habilidoso que já é utilizado pela polícia dos Estados Unidos ou que está vigiando parques em Cingapura (para, talvez, matar as pessoas que estão violando o isolamento social por lá; se bem que aqui no Brasil essa solução seria bem útil para alguns imbecis…).

Uma das coisas que impedem que o Spot seja uma ameaça real para a humanidade é que este robô não é vendido para o consumidor final. Já pensou esse produto nas mãos dos bandidos que estão agredindo profissionais de saúde em plena pandemia?

A má notícia é que existem alternativas ao Spot. Como o Unitree A1, que pode ser igualmente ameaçador.

O robô quadrúpede da Unitreee Robotics quer oferecer funções similares ao Spot, mas com um preço reduzido. E… sim… o Unitree A1 está disponível para venda, e qualquer tipo de usuário pode comprar o mini projeto de monstro robótico.

 

 

 

O que o Unitree A1 pode fazer (além de matar você se a sua IA enlouquecer)?

 

via GIPHY

 

Segundo os seus responsáveis, o Unitree A1 é mais inofensivo do que parece, algo que eu duvido, é claro. Ele pode caminhar de forma autônoma, reconhecendo o entorno para se esquivar de objetos e reagir rapidamente aos imprevistos ou obstáculos. Ele pode inclusive ser solto de uma determinada altura para cair em pé e se manter ali, pronto para atacar o idiota que decidiu fazer esse teste estúpido com o robô.

Tal e como um gato poderia fazer com você em um claro movimento de vingança, se o seu gato tivesse o tamanho desse robô (ou você acha que o seu felino gosta quando você faz isso com ele?).

 

 

Além de diferentes sensores instalados pelo seu corpo, o robô conta com uma câmera integrada que transmite imagens em HD para um smartphone. Com essa câmera, o robô pode fixar um objeto e perseguir o mesmo para qualquer lugar.

A ótima notícia aqui é que, se o Unitree A1 enlouquecer e achar que você é a grande ameaça para a paz mundial e precisa ser eliminado para que o Universo entre em equilíbrio, ainda dá tempo de correr: a velocidade máxima do robô é de 11.8 km/h. Ou seja, se você não for um obeso, consegue sobreviver simplesmente correndo.

O Unitree A1 também pode levar cargas de até 5 kg nas suas costas. Sua autonomia de bateria varia entre 1h e 2h30. Suas dimensões são de 30 cm de largura e 62 cm de comprimento, e seu peso é de 6 kg.

 

via GIPHY

 

O Unitree A1 é, no máximo, um mascote de luxo, que pode seguir o seu dono, brigar com outro A1 quando encontrar na rua, e dar voltas em torno de si mesmo. Na prática, é meio burro, mas menos inteligente que o Spot, e isso é ótimo para a raça humana (até que alguma mente perturbada decida melhorar – ou piorar – a sua inteligência artificial).

E… não… ele não precisa urinar para marcar o seu território.

 

 

 

Via Unitree, CNET


Compartilhe