choque-cerebro-smartphone

Um estuo realizado pela Imperial College de Londres revelou que, com a ajuda de uma pequena descarga elétrica no cérebro através do couro cabeludo poderia ajudar a reduzir a sensação de enjoos que algumas pessoas sentem durante viagens, movimentos rápidos, giros bruscos, agachamentos, e outras situações.

Ao que parece, ao enviar um sinal elétrico de baixa intensidade na área do cérebro encarregado pelo movimento do corpo, se reduz o estresse causado pelo processamento dos diferentes sinais (visuais, auditivos, etc), onde se vê submetidos nos movimentos bruscos e repetitivos, aliviando os sintomas e melhorando a sensação de enjoos e náuseas.

Por enquanto, os experimentos foram realizados com material de laboratório, mas pode ser traduzidos para o mundo dos smartphones, através dos fones de ouvido, se transformando assim em uma solução viável para milhares de pessoas com esse problema. Talvez a pequena adaptação necessária seria a introdução de pequenos eletrodos no couro cabeludo do usuário.

É uma iniciativa bem interessante, mas é preciso analisar a quantidade de potência necessária, se o método é realmente eficiente, e principalmente, se é seguro para a saúde do usuário.

E aí? Quer levar uma descarga elétrica para prevenir enjoos? Ou ‘deixa quieto’?

 

Via Imperial College London