Xbox Series X, e suas primeiras polêmicas Press "Enter" to skip to content
Início » Games » Xbox Series X, e suas primeiras polêmicas

Xbox Series X, e suas primeiras polêmicas

Compartilhe

A Microsoft é uma empresa curiosa e interessante.

Pegou todo mundo de surpresa ao dar o pulo do gato. Passou a rasteira na Sony (bom isso é discutível) e apresentou no The Game Awards 2019 o seu console de videogames de próxima geração, o Xbox Series X, que já levanta polêmicas por causa do nome, do design, por poder rodar conteúdos em 8K e outros detalhes.

Mas como o brasileiro precisa de polêmicas, vamos falar delas de forma resumida (porque eu estou com fome e está chegando perto da hora do almoço).

 

 

As primeiras polêmicas do Xbox Series X

 

 

A primeira polêmica está no nome, que não convenceu a algumas pessoas. Particularmente, não me convenceu a mim também. Mas vai saber o que se passa pela cabeça do pessoal de marketing da Microsoft. Eles devem saber o que estão fazendo.

O design do produto é o maior ponto de polêmica. E não podemos dizer que a Microsoft não é coerente nessa escolha: o Xbox Series X mais se aproxima de um PC do que de um videogame em si. Ele lembra um mini PC multimídia, e o formato monolítico em preto é bem vindo.

Tá, muita gente vai ter que mudar o console de lugar no rack da sala porque ele não cabe no mesmo espaço do console antigo? Sim, provavelmente. Mas não dá para dizer que é exatamente um erro esse design, considerando a sua proposta.

Por fim, o fato do Xbox Series X rodar conteúdos a 120 fps em 8K. Isso deveria ser mais do que bem vindo pela maioria dos usuários (60 fps em 4K já é algo excelente), mas vira polêmica porque nem temos muitos conteúdos disponíveis em 8K e as TVs com essa resolução ainda são muito caras.

Mas… já pararam para pensar que o Xbox Series X é um console para o futuro?

 

 

Ou seja… tal e como acontece como a grande maioria dos novos produtos de tecnologia que desembarcam no mercado, o Xbox Series X está cercado de polêmicas iniciais que, em parte, não se justificam. E por ser um produto da Microsoft, ainda tem um certo “ranço”.

Logo, vamos esperar pelas especificações técnicas finais para comentar sobre algo mais substancial. E em termos de design, muito se falou do cinzeiro e do ralador de queijo que a Apple apresentou nas últimas gerações dos seus computadores Mac Pro.

Logo, a caixa preta do Xbox Series X que parece um PC (ou uma geladeira, como queiram) até que passa batida.

 


Compartilhe