Twentieth Anniversary Macintosh

 

O último livro de design da Apple deixou de fora um desktop idealizado por Jony Ive, o Twentieth Anniversary Macintosh, ou TAM.

Lançado em 1997, o esquisito computador foi complicado de se vender por conta do alto preço e pouca disponibilidade: US$ 7.500 por cada uma das 12 mil unidades fabricadas.

 

 

Nem preciso dizer que o Twentieth Anniversary Macintosh virou peça de colecionador.

O dispositivo estava à frente do seu tempo, com uma tela plana LCD no estilo All in One, sistema de som de alta qualidade integrado, e leve peso (metade do peso do iMac G3, lançado um ano depois).

 

 

Não há motivo oficial para o Twentieth Anniversary Macintosh ter ficado de fora, mas por ser um livro dedicado à memória de Steve Jobs, sabemos que esse produto foi concebido sem a sua supervisão e amor. Pelo contrário, ele detestava esse computador.

Este foi o primeiro desktop que Jony Ive criou para a Apple, e quando viu o conceito, Jobs pensou em demitir Ive. É o que diz a boca pequena.

Além disso, o TAM não se parece com nada que veríamos depois em termos de estética, muito contrastante com os itens selecionados no livro.

 

Mas mesmo sem ser muito  muito bonito, ele se antecipava em muitas coisas. Há quem diga que o iMac é um descendente espiritual do TAM. Outros o enxergam como um protótipo do que estava por vir.

O modelo até foi visto em formato de “product placement” na mídia, como na série Seinfeld e no filme Batman & Robin.

No final das contas, é um computador no estilo que temos hoje, com exceção do módulo de subwoofer da Bose (e a fonte de alimentação).

 

 

Tinha muito plástico para ser um produto bem caro. Na parte central, estava oculto o leitor de CD que deixava os discos na vertical, em um design muito retangular e botões em uma posição discutível.

Contava com conexões de TV e rádio FM, atuando assim como central multimídia. Contava ainda com um controle remoto e um trackpad separado do teclado.

Uma pena que ficou de fora do livro, mas independente do motivo, ninguém pode negar que o Twentieth Anniversary Macintosh é mais um produto “Designed by Apple in California”.