Em algum momento, e por alguma razão, um jovem de 24 anos de idade decidiu fazer uma montagem, onde o seu rosto foi inserido na imagem do Cristo da Amargura. Já a Cofradía de la Amargura tomou isso como uma ofensa pessoal.

Primeiro, a Cofradía pediu ao criador da montagem que apagasse a foto, mas o rapaz se negou a fazer isso. Então, o caso foi levado aos tribunais, e no dia 7 de fevereiro a sentença saiu. O jovem terá que pagar 2.160 euros de multa e ficar 180 dias preso. No final, a multa caiu para 480 euros.

Por causa de uma foto.

A sentença final condenou o rapaz por ‘delitos contra os sentimentos religiosos’, e isso não é uma brincadeira. Pouco importa o direito à liberdade de expressão do rapaz.

Ou seja, se você está na Espanha, cuidado com as imagens que você envia para as redes sociais.