Início » Minha Opinião » Linha Galaxy Note está chegando ao fim?

Linha Galaxy Note está chegando ao fim?

Compartilhe

Há quem diga que sim. Mas…

O Galaxy Note é um sucesso indiscutível da Samsung, mesmo contando com um começo complicado. Muitas pessoas duvidavam que o Note original triunfaria com uma tela de 5.3 polegadas em um mundo que estava mais do que satisfeito com as telas com menos de 5 polegadas. Mas o tempo mostrou como as coisas aconteceram, e a tão criticada Havaianas prevaleceu.

Quando olhamos que a Samsung só teve a brilhante ideia de aumentar o tamanho da tela e incorporar a S Pen como elemento de interação com o sistema operacional (no melhor estilo Palm e desafiando a futurologia sarcástica de Steve Jobs), é difícil imaginar que os coreanos podem desistir dessa fórmula de sucesso.

Mas tem gente dizendo que a Samsung vai fazer isso.

 

 

 

Os sinais do fim da linha Note

 

Alguns rumores afirmam que o futuro Galaxy S21 terá suporte à S Pen pelo menos na sua versão Ultra. Algo que ainda não está confirmado porque não temos dados oficiais (obviamente) e os poucos renders mostram que o dispositivo não possui um slot para esse elemento.

Porém, os componentes internos dos modelos da linha Galaxy S estão se aproximando com os componentes da linha Galaxy Note com o passar do tempo, assim como o tamanho dos dispositivos e suas principais características técnicas. Hoje, a linha Note nem mesmo recebe os telefones com a maior tela, e o grande diferencial entre as duas linhas de telefones top de linha seria apenas a S Pen mesmo.

E isso pode mudar em janeiro de 2021.

 

 

 

Estamos próximos do fim da linha Note?

 

 

Se tudo for confirmado, ou seja, o futuro Galaxy S21 Ultra receber um suporte para a S Pen, qual é o sentido manter a linha Galaxy Note viva?

Afinal de contas, não existem diferenças marcantes entre as duas linhas, e os esforços laborais seriam reduzidos drasticamente. Sem falar que é muito difícil para qualquer fabricante vender dois dispositivos muito semelhantes, e tais recursos de desenvolvimento poderiam ser aproveitados em outros recursos.

Os rumores também indicam que a Samsung poderia abandonar a linha Galaxy Note para abraçar o segmento de smartphones dobráveis com tecnologias similares. Esses seriam os modelos premium com grande potencial de receitas por venda, algo que todos os fabricantes desejam intensamente.

Ou seja, temos vários elementos que apontam de forma mais crível para o fim da linha Galaxy Note em 2021, principalmente se o Galaxy S21 Ultra marcar a estreia para o suporte para a S Pen. E em 2022, esse suporte poderia ser ampliado para outros modelos da linha S.

Não dá para dizer que estamos perdendo alguma coisa muito grande aqui. Na verdade, a decisão é uma evolução substancial para a família Galaxy S, especialmente considerando a possibilidade de venda da S Pen de forma independente, tal e como a Apple faz com o Apple Pencil hoje. É mais uma fonte de renda bem interessante para a Samsung, e todo mundo quer lucrar nesse setor.

Logo, não é um absurdo começar a se despedir desde já da linha Galaxy Note. Mas também não vamos cair no prejuízo com essa mudança. Pode ser algo bem positivo para o portfólio de smartphones top de linha dos coreanos.


Compartilhe