microsoft

O Windows 10 Fall Creators Update liberado pela Microsoft traz tantas novidades quanto se poderia pedir, apesar de não serem tantas novidades.

A mais destacada é a chegada do Fluent Design System. Alguns dos aplicativos (nem todos) já adotaram o novo layout, e as alterações são positivas.

Porém, o Microsoft Edge melhorou, e merece ser mencionado. O software também chegou ao iOS e Android, e pode ser mais uma ferramenta interessante para quem usa um equipamento que não conta com Windows 10 Mobile Device.

Falando no finado, se você não tem um dispositivo com esse software, não precisa se preocupar isso. Agora, se você tem um Android, pode começar a comemorar, já que o software virou o refúgio de usuários do finado Windows Mobile e da própria Microsoft.

A gigante de Redmond trabalhou para que a Fall Creators Update fosse mais amigável para Android e iOS. E, apesar das conexões serem mais complicadas no sistema da Apple, e da Cortana ser difícil de instalar em uma região onde não possui suporte de idioma, no Android a coisa ficou bem mais fácil e prática.

Notificações, chamadas, mensagens… tudo o que faz vibrar o seu smartphone vai soar no seu PC, como se um iPhone e Mac se conversassem. A diferença é que será entre um computador e um smartphone Android.

Logo, a melhor coisa do Windows 10 Fall Creators Update é o fato de deixar você mais conectado, ainda que seja com outros tipos de software que não pertençam à Microsoft.

Mas o que realmente importa é que ela está lá. Convivendo com cada uma das pessoas que usam o Windows todos os dias, assim como o seu smartphone.

Bela jogada, Microsoft… bela jogada…