O Samsung Galaxy A7 (2018) é um smartphone de linha média premium inegavelmente bem chamativo, já que confirma uma tendência que chegará ao Galaxy S10 em 2019.

Nesse post, mostramos os cinco elementos chave desse smartphone, que marca o início de uma mudança de tendência da Samsung, que com certeza será acompanhada de outros modelos da marca no futuro.

 

 

O modelo que estreia pequenas mudanças na Samsung

 

O Samsung Galaxy A7 (2018) é importante, adicionando elementos que saem da tendência atual, como a traseira limpa e a presença da câmera tripla. Também reforça que algumas coisas não mudam, como a aposta nas telas Super AMOLED.

 

 

Tela Super AMOLED permanece

 

O modelo conta com tela de 6 polegadas (FullHD+), que é maior que a do Galaxy A8, o que pode ser meio confuso por conta da nomenclatura. A tecnologia Super AMOLED agrada à Samsung, e não veremos mudanças tão cedo nesse item, diferente de outros fabricantes que experimentam vários tipos de telas em diferentes linhas.

 

 

A melhora interna está na RAM

 

 

O processador octa-core do Samsung Galaxy A7 (2018) a 2.2 GHz tem tudo para ser o Exynos 7885, sendo este um equivalente à série Snapdragon 600 da Qualcomm.

A RAM recebe mudanças, abraçando 6 GB de RAM, com versão básica com 4 GB. No armazenamento, as opções são de 64 GB e 128 GB.

Tudo é gerenciado pelo Android 8.0 Oreo (com atualização para o Android 9 Pie garantida) junto com a Samsung Experience 10. Sua bateria possui 3.300 mAh, e na conectividade, nos deparamos com NFC, LTE Cat 6, WiFi ac e Bluetooth 5.0.

 

 

A câmera tripla é para o grande angular

 

 

O Samsung Galaxy A7 (2018) é o primeiro smartphone da Samsung a contar com uma câmera tripla traseira, com sensores de 24 MP (f/1.7), 8 MP (f/2.4) e 5 MP, com ângulo de 120 graus.

Com a lente secundária, é possível aplicar o efeito bokeh, e com a terceira lente se alcança um ângulo de visão equivalente ao do olho humano.

Além disso, a lente principal utiliza inteligência artificial e tecnologia Pixel Binning para combinar quatro pixels em um, obtendo melhores fotos com baixa luminosidade.

 

 

Leitor de digitais na lateral

 

 

Não é o primeiro a contar com esse recurso (o Samsung Galaxy J6+ já conta com isso), mas confirma a tendência de leitor de digitais na lateral.

O leitor está integrado no botão de liga/desliga do lado direito, abaixo dos botões de volume. Isso entrega uma parte traseira completamente limpa, contando apenas com o logo da Samsung e com a câmera tripla.