power-sleep-mobile-cancer

A Universidade de Viena desenvolveu um aplicativo em parceria com a unidade austríaca da Samsung, chamado Power Sleep. Seu funcionamento, para o usuário, é semelhante a qualquer app de alarme. Porém, por baixo, um segundo aplicativo é executado, que se conecta com a Berkley Open Infrastructure for Network Computing (BOINC), uma rede de 60 mil computadores, que trabalham em diferentes projetos de pesquisa.

Para que o Power Sleep funcione, o smartphone deve ficar conectado à rede WiFi e na corrente elétrica (algo que é bem comum para a maioria dos usuários). O aplicativo não vai enviar dados no modo 3G, e não funciona apenas com a autonomia de bateria do dispositivo. O aplicativo utiliza o processador em um projeto chamado Similarity Matrix of Proteins (SIMAP), focado a decifrar as cadeias de proteínas. Os avanços com o SIMAP serve para o combate de enfermidades hereditárias, como o Mal de Alzheimer ou o Câncer.

O Power Sleep pode ser baixado na Google Play. Abaixo, um vídeo demonstrativo do aplicativo (e do projeto).

 

Via Samsung, Gizmag